quinta-feira, 24 de outubro de 2019

Polícia encontra 38 corpos de adultos e um adolescente em baú de um caminhão

A polícia britânica informou que encontrou 39 corpos no baú de um caminhão em uma propriedade industrial de Waterglade, em Grays, na região de Essex (leste de Londres), nesta quarta-feira (23).
O motorista do veículo, um norte-irlandês de 25 anos, foi preso por suspeita de assassinato.
Segundo a polícia, os corpos são de 38 adultos e um adolescente. Até o momento, não há informações sobre a nacionalidade das vítimas nem se são migrantes. A identificação das vítimas é uma prioridade, mas autoridades dizem que esse processo pode demorar para ser concluído.
As circunstâncias e causa das mortes ainda são investigadas.
Percurso do caminhão
A cidade de Grays, onde o caminhão foi encontrado, fica a cerca de 30 km de Londres. A polícia de Essex, responsável pelas investigações, acredita que o caminhão chegou de balsa à cidade de Purfleet, no rio Tamisa, vindo de Zeebrugge, na Bélgica.
Inicialmente, os investigadores acreditavam que o caminhão tinha vindo da Bulgária e entrado no Reino Unido via Holyhead, cidade portuária do País de Gales, onde funciona um serviço regular de balsas conectado com Dublin (Irlanda).
"Originalmente, informamos que o caminhão tinha entrado no país através de Holyhead no sábado, em 19 de outubro. Após mais investigações, agora acreditamos que ele viajou de Zeebrugge (Bélgica) a Purfleet (Inglaterra) e estacionou na área de Thurrock logo após as 0h30 de hoje", afirmou um comunicado.
O veículo foi encontrado pela polícia na madrugada desta quarta-feira após um alerta dos serviços de ambulância. Não foram encontrados sobreviventes no interior do veículo.
Mais cedo, o Ministério das Relações Exteriores da Bulgária informou que o caminhão está registrado no país em nome de uma empresa cuja proprietária possui cidadania irlandesa.
Os búlgaros têm direito a trabalhar no Reino Unido. A Bulgária faz fronteira, no entanto, com a Turquia e é comumente usado como parte da rota de imigração ilegal e transporte de refugiados de regiões como a Ásia, África e Oriente Médio.
O primeiro-ministro, Boris Johnson, disse ter ficado "horrorizado com este trágico incidente". "O ministério do Interior trabalhará em estreita colaboração com a polícia de Essex para estabelecermos exatamente o que aconteceu", afirmou.
O primeiro-ministro da Irlanda, Leo Varadkar, afirmou ao parlamento irlandês que há relatos de que o caminhão teria passado em seu país. "É uma real e terrível tragédia humana. Abriremos as investigações necessárias se for confirmado que o caminhão de fato passou pela Irlanda".
*** Informações com: G1
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.8121-9041 (VIVO).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket