quinta-feira, 7 de fevereiro de 2019

Ceará empata com o Central-PE e avança à segunda fase da Copa do Brasil

Foi no sufoco, com sustos e sem nenhuma facilidade, mas o Ceará conseguiu sua classificação à segunda fase da Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira, 6, o Alvinegro empatou em 1 a 1 com o Central-PE, no estádio Lacerdão, e avançou por ser melhor colocado no ranking da CBF, como já era previsto no regulamento.
Com a classificação, o Ceará faturou mais R$ 990 mil. Somando com os R$ 920 mil da primeira fase, o Alvinegro já totalizou R$ 1,910 milhão em cotas na competição.
Na próxima fase, o Ceará enfrentará o Foz do Iguaçu, que venceu o Boa Esporte por 1 a 0 e também se classificou. Sorteio determinou que a partida será realizada no Paraná, em data que ainda será definida.
O JOGOO primeiro tempo foi fraco tecnicamente. O gramado do estádio Lacerdão, que já não é dos melhores, estava molhado e dificultou ainda mais para os dois times.
O lado esquerdo do ataque se mostrava o ponto mais propício aos ataques do Vovô, já que o lateral direito Dudu Gago mostrava fragilidade defensiva. E foi por lá que o Ceará marcou seu gol.
Aos 28 minutos, em boa jogada pelo lado esquerdo de ataque, Vitor Feijão deu bom passe para Felipe Jonatan, que invadiu a área e chutou cruzado para abrir o placar.
Nos minutos seguintes, o Central se lançou em busca do empate e o Ceará teve chances de ampliar. Porém, Ricardo Bueno, que esteve novamenge apagado, errou bastante e desperdiçou as oportunidades.
Aos 44 minutos, o Ceará foi castigado com o gol de empate do Central, que estava irregular, mas o árbitro não marcou. Murilo Rangel cobrou falta na área e Giovani Rosa, em posição de impedimento, desviou de cabeça para Bruno Oliveira marcar.
Na segunda etapa, o Central começou melhor, pressionando e assustando em busca da virada, levando perigo em duas cobranças de falta com Murilo Rangel. Em uma delas, a bola foi na trave. Na outra, Richard bateu roupa e a bola sobrou para Xandão, que finalizou, mas foi derrubado pelo goleiro do Ceará. Os jogadores do time pernambucano pediram pênalti, mas o árbitro mandou o jogo seguir.
O Ceará só teve tranquilidade aos 20 minutos, quando Dudu Gago foi expulso. A partir daí, o Central teve dificuldades ofensivas e o Ceará controlou o resultado até o fim, assegurando sua vaga na próxima fase.
*** Informações com O Povo
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket