sábado, 22 de setembro de 2018

Em ato de campanha, Ciro chama Bolsonaro de “nazista filho da puta”. Assista ao vídeo

O presidenciável Ciro Gomes (PDT) chamou nesta sexta-feira o deputado federal e candidato ao Planalto Jair Bolsonaro (PSL) de “nazista filho da puta”.
Bolsonaro, que está internado há duas semanas após sofrer um ataque a faca, lidera todas as pesquisas de intenção de voto feitas até aqui.
Durante ato de campanha em Goiânia, o ex-governador do Ceará interrompe o discurso para reclamar de um suposto apoiador de Bolsonaro que teria entregue a eleitores de Ciro uma camisa com o nome do militar.
“Olha o que é cultura de ódio”, fala o pedetista num carro de som. “Um bobinho, que não deve ter culpa de nada, acabou de criar uma confusão aqui trazendo uma camisa do adversário.”
Em seguida, Ciro afirma que, “fanático como é, que nem o doido que enfiou a faca nele, (Bolsonaro) acha que a política pode ser resolvida assim”.
E pede, ironizando: “Tenham paciência com ele. Ele não é culpado de nada, ele é só vítima desse nazista filho da puta que nós vamos derrotar”.
Ex-ministro de Lula, Ciro lança neste sábado uma ofensiva por estados no Nordeste em busca do voto lulista.
Até domingo, o candidato visita Bahia, Rio Grande do Norte, Piauí, Maranhão e Pernambuco.
De acordo com a última pesquisa Datafolha, divulgada na quinta passada, Ciro aparece empatado tecnicamente com Fernando Haddad (PT), mas numericamente atrás do petista: 13% a 16%.
Bolsonaro encabeça a sondagem, com 28%. O tucano Geraldo Alckmin (PSDB) aparece com 9%.
Assista ao vídeo que mostra momento em que Ciro Gomes (PDT) xinga o adversário Jair Bolsonaro (PSL):
*** Informações com Jornal O Povo - Vídeo Poder 360
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM) e (88) 9.9292-5553 (CLARO).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores