sábado, 9 de dezembro de 2017

Gastos com aposentadorias do funcionalismo no Ceará cresceram 57% em 10 anos.

Os gastos no Ceará com aposentados e pensionistas chegaram a R$ 3 bilhões no ano passado. Segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), o crescimento nas despesas previdenciárias em dez anos foi de quase 57% com inativos.
Os dados também mostram que em 2006 e 2016 o déficit do estado ficou entre 6,5% e 13% - isso significa que esse percentual estava sendo gasto só com pagamentos de aposentadorias e pensões.
Com os cearenses economicamente ativos, os gastos quase que dobraram de 2006 para 2016. Há dez anos, o valor chegou a R$ 3,3 bilhões. No ano passado, R$ 6 bilhões, um crescimento de 84,1% no acumulado. Em uma pesquisa divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a projeção é de que o número de idosos no País em 2060 supere o número de pessoas economicamente ativas - para cada 100 pessoas na ativa, serão 63 na inatividade.
Dados da Secretaria de Previdência Social e do Tesouro Nacional mostram que as receitas do Regime Geral da Previdência Social, que atendem quem trabalha no setor privado, somaram quase R$ 360 bilhões em 2016, enquanto as despesas com pagamento de benefícios foram de 507,9 bilhões - quase R$ 150 bilhões a mais de custos.
“O fato é que temos um elevadíssimo gasto com previdência e, por conta disso, falta dinheiro para a saúde. Pelo fato de termos um elevadíssimo gasto no setor, nossos produtos são caros e não conseguimos exportar na quantidade que deveríamos. As exportações são mais vantajosas e com isso não geramos emprego”, acredita o economista e ex-ministro da Previdência José Cechin.
Novas regrasA reforma está prevista para ser votada em dezembro e traz como um dos pontos principais a regra de transição para aposentadoria. “O Brasil é um dos poucos países que não tem idade mínima para efeito de aposentadoria. Portanto, introduzir essa idade mínima universal, para todos, é um passo muito importante numa reforma”, reforça o ex-ministro José Cechin. Pela proposta, a idade para se aposentar começaria aos 53 anos para as mulheres e 55 para os homens. A partir de 2020, seria acrescido um ano de idade a cada dois anos até 2038, chegando ao limite de 62 para as mulheres e 65 para os homens.
CearáEm 2010, de acordo com o último Censo Demográfico lançado pelo IBGE, o Ceará tinha quase 8,5 milhões de habitantes. Desses, 3,5 milhões eram de pessoas com 25 anos ou mais de idade. A previsão do Instituto é que até 2030 o Brasil terá mais idosos do que crianças até 14 anos.
*** Informações com Agência Rádio Mais
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores