terça-feira, 17 de outubro de 2017

Conjunturas: “Ele sabe falar de traição porque traiu Tasso”, diz deputado sobre ataque de Ciro

A fala do pré-candidato à Presidência da República, Ciro Gomes (PDT), sobre a possibilidade de o senador Tasso Jereissati (PSDB) ser candidato ao Governo do Estado é o tema do Conjunturas desta segunda-feira (16). O pedetista, durante convenção do partido, em Fortaleza, disse que o senador será visto como “traidor” se for candidato ao Governo do Estado contra Camilo Santana (PT).
O Conjunturas vai ao ar todas as segundas, quartas e sextas-feiras, pela manhã, na rádio Tribuna BandNews FM. Participam os deputados federal Cabo Sabino (PR), estadual Carlos Matos (PSDB) e o vereador de Fortaleza, Guilherme Sampaio (PT).
Para Sampaio, a fala de Ciro expõe “contradições”. No entanto, enquanto correligionário de Camilo, o vereador disse que a contradição começa com a presença do secretário do Planejamento, Maia Júnior, na gestão petista.
“O que o Ciro aponta é que isso seria uma contradição, Tasso ser candidato a governador, tendo Maia Júnior, que é um de seus principais quadros políticos, participando do Governo”, afirmou.
VEJA TAMBÉM:
“Ele (Ciro) está pensando que o PSDB está fazendo parte do Governo? Está enganado, tão ingênuo. (..) Quem está fazendo parte é o Maia Júnior, não o PSDB”, rebateu Carlos Matos.
O deputado disse que Camilo precisou buscar quadros no PSDB porque não havia opções no PT. Porém criticou que a atitude tenha sido uma suposta tentativa de controlar o partido. “Ele convidou o Maia Júnior pra garrotear o PSDB, era essa intenção? Está pensando que é uma disnatia que manda no Ceará e no Brasil?”, pontuou.
O deputado Cabo Sabino fez críticas diretas a Ciro. “Ele sabe falar de traição porque ele traiu Tasso”, afirmou.
“Vindo desse cidadão que parece muitas das vezes uma metralhadora ambulante, nós não podemos esperar muitas coisas. Semear a discórdia é uma de suas principais características. Quando se fala em traição, realmente ele tem um capital político muito grande para falar”, disse Sabino.
O deputado federal lembrou que Tasso foi padrinho político de Ciro. “Isso é medo que Tasso seja candidato ao Governo do Estado?”, questionou.
Guilherme Sampaio defendeu que as lideranças políticas discutam projetos para o Ceará ao invés de nomes. No entanto, Matos o acusou de “jogar para baixo do tapete” uma discussão natural sobre lideranças.
*** Informações com Tribuna do Ceará
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores