quarta-feira, 12 de outubro de 2016

Camilo afirma investimento de R$ 424 mi em 2016 para o Ensino Superior

O governador Camilo Santana recebeu, nessa terça-feira, no Palácio da Abolição, em Fortaleza, os sindicatos que representam as universidades estaduais cearenses (Uece, UVA e Urca). Mesmo com a crise econômica que atinge todo o país, Camilo ressaltou os investimentos no ensino universitário público que, em 2016, chegarão a R$ 424,1 milhões – um aumento de 52% em relação ao ano de 2015.
No decorrer da reunião com os representantes dos sindicatos do magistério superior, o governador Camilo Santana confirmou compromissos já assumidos durante a mesa de negociação permanente, como a nomeação de 84 professores aprovados em concurso da Uece imediatamente após o fim da greve, assinatura de processos de ascensão e progressão funcional e reformas estruturais nos campus das três universidades.
“Esse é um momento muito difícil para todos os estados. Mesmo assim, fizemos concurso para contratar professores e vamos realizar melhorias estruturais nas universidades. É muito importante que a categoria tenha bom-senso para que essa greve, que tanto prejudica os alunos, seja encerrada e as aulas retomadas imediatamente”, disse Camilo Santana, após a reunião que contou com a presença dos reitores Jackson Sampaio (Uece), Fabiano Cavalcante (UVA) e Patrício Melo (Urca).
A contar do mês de maio, quando foi decretada a paralisação, o Governo do Ceará se reuniu várias vezes com o comando de greve para negociar os pontos que são reivindicados pela categoria. Os encontros foram realizados com os secretários Inácio Arruda (Secitece), Hugo Figueiredo (Seplag) e Élcio Batista (Chefia de Gabinete). Em agosto, a vice-governadora Izolda Cela também se reuniu com representantes da Uece, UVA e Urca para avaliar as reivindicações.
O repasse de recursos para o ensino superior, que, como observou Camilo Santana,tem sido crescente como iniciativa para reforçar a educação superior no Ceará e é um dos compromissos do Governo Estadual. Entre 2011 a 2015, os recursos passaram de R$ 262,3 milhões para R$ 390 milhões. Para 2016, a previsão é de R$ 424,1 milhões, representando um aumento de 52% no período.
Além do concurso para a contratação de 84 professores para a Uece, foi realizado concurso público para professor efetivo com 67 vagas destinadas à UVA – 32 dos 38 aprovados já foram chamados; o segundo certame, com 29 vagas, está em curso.
Outra reivindicação atendida, conforme Camilo, foi a ascensão e progressão funcional para professores, cujos processos encontram-se na Secretaria do Planejamento e Gestão (Seplag) para publicação logo que seja encerrada a greve.
“Nosso Governo tem feito todo o esforço para atender às demandas das universidades, para que os estudantes não sofram mais prejuízo. Hoje, nenhum estado tem contratado. O Ceará tem reforçado o quadro de professores. Nada menos 21 estados estão com problema para pagar os servidores. O nosso estado tem honrado todos os seus compromissos”, afirmou o governador Camilo Santana.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores