Assista: Sem comprovante de vacina, Bolsonaro se revolta após ser barrado no jogo do Santos

Passando o feriado no litoral paulista, o presidente Jair Bolsonaro apareceu em um vídeo, neste domingo (10/10/2021), alegando que foi impedido de assistir o jogo do Santos por não estar vacinado. O pronunciamento do presidente foi feito em diálogo com apoiadores enquanto falava contra o passaporte da vacina contra a Covid-19, que busca restringir o acesso a determinados locais de pessoas não imunizadas.

“Por que isso? Eu tenho mais anticorpos do que quem tomou a vacina”, questionou o chefe do Planalto em tom de indignação. A vacinação coletiva é essencial para o controle da pandemia do coronavírus, como apontam os especialistas, pois retarda a disseminação do vírus e impede o surgimento de novas mutações. Leia aqui sobre como as vacinas contra Covid-19 foram desenvolvidas. 

Fontes ligadas ao Santos afirmaram que Bolsonaro não entrou em contato e que eles não recusariam um convite para o presidente assistir ao jogo contra o Grêmio, no estádio da Vila Belmiro. Em nota oficial, o Santos Futebol Clube afirma que “não foi procurado pela equipe do presidente”. “O Clube segue os protocolos da CBF, que, por sua vez, segue as normas sanitárias da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária)”, disse.

Em agosto, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) publicou um protocolo para a volta dos torcedores ao estádio. No documento, a CBF determina a apresentação de teste PCR negativo três dias antes do jogo e a necessidade de vacinação. Bolsonaro, todavia, teve sigilo por 100 anos no cartão de vacinação decretado pelo Palácio do Planalto em janeiro.

*** Informações com 👉 Jornal O Povo

ATENÇÃO: 👉 SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DE VÍDEOS – 👌 Clique Aqui

Aluga-se excelente Ponto Comercial, localizado na Rua Cel. Pedro Aragão, 1366, Centro Comercial de Ipu, banheiro, ampla área com porta de vidro. Lugar central e ao lado da Fábrica Wolga, coração da Terra de Iracema. 👉 Valor: R$ 400,00. Interessados ligar via: 👉 WhatsApp: Tim (88) 9.9688-9008 e TIM (88) 9.9736-3674.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.