Mulher vai a hospital com inchaço no olho e o que os médicos encontram é assustador

Uma mulher que voltava de viagem acabou trazendo para casa mais do que a satisfação de umas boas férias. Ela havia viajado para a República Centro-Africana para trabalhar como antropóloga, e voltou com um problema, no mínimo, desconfortável.

A mulher, de 36 anos, não teve seu nome divulgado e chegou a um hospital da Alemanha após sentir um incômodo no olho esquerdo. Ao olhar para o órgão, claramente era possível ver que algo não estava certo.

Os médicos da unidade hospitalar fizeram diversos exames na mulher para conseguir determinar o que a estava afetando. No final das contas, a paciente, segundo os relatórios, apresentava ‘Loa loa’ em seu olho.

Loa loa é uma espécie de nematódeo do gênero Loa, causador de um tipo de filaríase, especificamente denominada loíase. Estes vermes geralmente se estabelecem em pares, macho e fêmea, nos vasos linfáticos, podendo causar inchaços na região afetada devidos à deficiente drenagem da linfa.

O Loa loa também é conhecido como ‘Verme do Olho’ e pode ser encontrado na África Central. Esses bichos costumam ser transferidos através da mosca de veado. A paciente precisou passar quase três semanas em tratamento com anti-inflamatórios e conseguiu se recuperar.

Esse não foi o primeiro caso de verme no olho de um indivíduo. Em 2016, uma mulher de Oregon, também nos Estados Unidos, teve 14 desses insetos removidos de suas pálpebras após cavalgar e pescar. Ela relata que nunca irá esquecer a experiência ao contar o drama com os vermes em seu olho.

*** Informações com 👉 1News

ATENÇÃO: 👉 SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DE VÍDEOS – 👌 Clique Aqui

Aluga-se excelente Ponto Comercial, localizado na Rua Cel. Pedro Aragão, 1366, Centro Comercial de Ipu, banheiro, ampla área com porta de vidro. Lugar central e ao lado da Fábrica Wolga, coração da Terra de Iracema. 👉 Valor: R$ 400,00. Interessados ligar via: 👉 WhatsApp: Tim (88) 9.9688-9008 e TIM (88) 9.9736-3674.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *