quinta-feira, 29 de abril de 2021

Enquanto o Brasil chega próximo dos 400.000 mortos por covid; o ministro Guedes faz duras criticas "desnecessárias" contra vacina da China. Assista

O Brasil registrou, nesta quarta-feira (28-04-2021), 3.163 mortes por covid e 79.726 novos casos, de acordo com os dados enviados pelos estados ao Ministério da Saúde e ao Conass (Conselho Nacional de Secretários de Saúde).
Com o balanço de hoje, o país contabiliza 398.185 mortes e 14.521.286 pessoas que já foram diagnosticadas com a doença. São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Sul são os estados com o maior número de óbitos, respectivamente.
Segundo o Conass, a taxa de letalidade do coronavírus no Brasil é de 2,7% e a taxa de mortalidade por cada 100 mil habitantes é de 189,5. A média móvel de óbitos nos últimos 7 dias é de 2.387, seguindo em queda, e a média móvel de novos casos é de 56.928.
O Vacinômetro mostra que mais de 30 milhões de pessoas receberam a primeira dose da vacina contra a covid-19 no país, o que corresponde a 14% da população, sendo que mais de 14 milhões já receberam a segunda dose e estão completamente imunizadas.
Enquanto isso;  em que o país precisa de vacina
- O ministro da Economia, Paulo Guedes, declarou nesta última terça-feira (27) que os chineses "inventaram" o coronavírus, e que a vacina do país para impedir o avanço da doença é "menos efetiva" do que o imunizante da Pfizer, dos Estados Unidos.
Nesta última terça-feira, o Senado instalou a CPI da Covid, comissão parlamentar de inquérito destinada a investigar as ações do governo na pandemia, que já provocou quase 400 mil mortes no Brasil. Um dos eixos da investigação da CPI será apurar as razões da demora para aquisição de vacinas pelo governo.
Atualmente, a vacina CoronaVac, desenvolvida pelo laboratório chinês Sinovac em parceria com o Instituto Butantan, é a responsável por cerca de 80% das pessoas vacinadas no Brasil — o próprio Guedes tomou a vacina. O restante das vacinas aplicadas no Brasil são imunizantes desenvolvidos pela parceria entre o laboratório Astrazeneca e a Universidade de Oxford.
Por razões ideológicas, o presidente Jair Bolsonaro e aliados lançaram suspeição sobre a eficiência da CoronaVac. Bolsonaro chegou a vetar a aquisição da CoronaVac. "Da China nós não compraremos. É decisão minha. Eu não acredito que ela transmita segurança suficiente para a população pela sua origem. Esse é o pensamento nosso", disse Bolsonaro em outubro do ano passado (2020). Depois, sem opções de outras vacinas, cedeu.
Críticas de integrantes do governo e de pessoas próximas ao presidente Jair Bolsonaro à China causaram mal-estar no ano passado. O país asiático — maior parceiro comercial do Brasil — é fornecedor do insumo farmacêutico ativo (IFA) da CoronaVac, vacina do laboratório chinês Sinovac, e da vacina da AstraZeneca com a Universidade de Oxford — os dois únicos imunizantes que estão sendo aplicados no Brasil atualmente.
Em entrevista na noite desta terça, em que falou sobre a troca de integrantes da Economia, Guedes aproveitou para tentar explicar suas declarações de mais cedo sobre a China. Segundo ele, ao ter dito que o vírus foi inventado na China, quis ressaltar a região de onde acredita-se que surgiu o coronavírus, e que pretendia com isso enfatizar a resposta da iniciativa privada dos Estados Unidos ao ter produzido uma vacina eficiente contra Covid-19.
Após as declarações, o embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, apontou que seu país é o principal fornecedor de imunizantes e insumos ao governo brasileiro. Sem citar o ministro, o diplomata escreveu em sua conta no Twitter que as vacinas e os ingredientes farmacêuticos ativos (IFAs) produzidos na China respondem por 95% do total recebido pelo Brasil.
*** Informações com 👉 JORNAL DO BRASIL E O GLOBO
ATENÇÃO: 👉 SE INSCREVA NO NOSSO CANAL DE VÍDEOS - 👌  Clique Aqui
Espaço reservado para a sua propaganda, seja nosso parceiro e veja sua "marca", sua propaganda ganhar foco na grande mídia da internet; afinal!!! "Quem não é visto, não é lembrado". Ligue agora: 👉 (88) 9.9688-9008. O preço cabe no seu bolso.

0 comentários:


SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

POSTAGENS MAIS LIDAS