terça-feira, 15 de setembro de 2020

Com La Niña, Ceará deve ter chuvas dentro ou acima da média na pré-estação, apontam meteorologistas

Um estudo do Instituto Americano de Meteorologia e Oceanografia (NOAA) apontou que o La Niña, fenômeno que causa o resfriamento do Oceano Pacífico Equatorial e aumenta a probabilidade de chuvas no Ceará, entrou em atividade em setembro. O cenário, segundo meteorologistas, é favorável para chuvas dentro ou acima da média no estado, entre novembro de 2020 e fevereiro de 2021.
Dóris Palma, da Somar Meteorologia, afirma que o La Niña “consegue mudar toda a circulação dos ventos na atmosfera” e, com isso, “as chuvas tendem a aumentar no Nordeste brasileiro, principalmente no verão”. Isso ocorre porque, segundo ela, o fenômeno “intensifica a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT)”, principal responsável pelas precipitações no Ceará.
Os episódios de La Niña podem durar, em geral, de nove a 12 meses, como aponta Dóris, mas o atual deve ser mais curto e fraco, com duração de até seis meses. “As simulações atuais começam a ver uma chuva se normalizando a partir de novembro deste ano. Até fevereiro de 2021, ainda teremos anomalias positivas, ou seja, expectativa para chuva dentro e acima da média no Nordeste e, então, no Ceará”, estima.
O meteorologista Filipe Pungirum, da Climatempo, reforça que as condições para ocorrência do La Niña foram atingidas no Brasil entre agosto e setembro, mas que “ainda não temos nenhum efeito” do fenômeno. A expectativa, porém, “é de que a situação se mantenha assim e que, entre novembro e fevereiro, tenhamos uma condição mais favorável a chuvas no Nordeste e no Ceará”.
Incerteza - A cautela é recomendada por Leydson Dantas, meteorologista do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), que rebate inclusive a informação de que o La Niña já está ativo no País. “Para ter La Niña, é necessário a temperatura da região ficar 0,5ºC inferior por três meses. Ainda não atingimos. As agências americana, europeia e australiana indicam três níveis: alerta inicial, alerta 2 e ocorrência do La Niña. Hoje, estamos no alerta 2”, informa.
De acordo com Leydson, o boletim estadunidense aponta 75% de probabilidade de haver La Niña até novembro, e o fenômeno atingiria intensidade máxima ao fim de 2020. Com a tendência confirmada, o que deve ocorrer nas próximas semanas, a incidência de chuvas no Ceará seria, de fato, maior.
*** Informações com G1-CE
Aluga-se excelente Ponto Comercial, localizado na Rua Cel. Pedro Aragão, 1366, Centro Comercial de Ipu, banheiro, ampla área. Lugar central e ao lado da Fábrica Wolga, coração da Terra de Iracema. ** Valor: R$ 350,00. Interessados ligar: (..) Tim (88) 9.9916-7711 ou TIM (88) 9.9985-0788.
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

POSTAGENS MAIS LIDAS