terça-feira, 15 de setembro de 2020

Com La Niña, Ceará deve ter chuvas dentro ou acima da média na pré-estação, apontam meteorologistas

Um estudo do Instituto Americano de Meteorologia e Oceanografia (NOAA) apontou que o La Niña, fenômeno que causa o resfriamento do Oceano Pacífico Equatorial e aumenta a probabilidade de chuvas no Ceará, entrou em atividade em setembro. O cenário, segundo meteorologistas, é favorável para chuvas dentro ou acima da média no estado, entre novembro de 2020 e fevereiro de 2021.
Dóris Palma, da Somar Meteorologia, afirma que o La Niña “consegue mudar toda a circulação dos ventos na atmosfera” e, com isso, “as chuvas tendem a aumentar no Nordeste brasileiro, principalmente no verão”. Isso ocorre porque, segundo ela, o fenômeno “intensifica a Zona de Convergência Intertropical (ZCIT)”, principal responsável pelas precipitações no Ceará.
Os episódios de La Niña podem durar, em geral, de nove a 12 meses, como aponta Dóris, mas o atual deve ser mais curto e fraco, com duração de até seis meses. “As simulações atuais começam a ver uma chuva se normalizando a partir de novembro deste ano. Até fevereiro de 2021, ainda teremos anomalias positivas, ou seja, expectativa para chuva dentro e acima da média no Nordeste e, então, no Ceará”, estima.
O meteorologista Filipe Pungirum, da Climatempo, reforça que as condições para ocorrência do La Niña foram atingidas no Brasil entre agosto e setembro, mas que “ainda não temos nenhum efeito” do fenômeno. A expectativa, porém, “é de que a situação se mantenha assim e que, entre novembro e fevereiro, tenhamos uma condição mais favorável a chuvas no Nordeste e no Ceará”.
Incerteza - A cautela é recomendada por Leydson Dantas, meteorologista do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), que rebate inclusive a informação de que o La Niña já está ativo no País. “Para ter La Niña, é necessário a temperatura da região ficar 0,5ºC inferior por três meses. Ainda não atingimos. As agências americana, europeia e australiana indicam três níveis: alerta inicial, alerta 2 e ocorrência do La Niña. Hoje, estamos no alerta 2”, informa.
De acordo com Leydson, o boletim estadunidense aponta 75% de probabilidade de haver La Niña até novembro, e o fenômeno atingiria intensidade máxima ao fim de 2020. Com a tendência confirmada, o que deve ocorrer nas próximas semanas, a incidência de chuvas no Ceará seria, de fato, maior.
*** Informações com G1-CE
Aluga-se excelente Ponto Comercial, localizado na Rua Cel. Pedro Aragão, 1366, Centro Comercial de Ipu, banheiro, ampla área. Lugar central e ao lado da Fábrica Wolga, coração da Terra de Iracema. ** Valor: R$ 350,00. Interessados ligar: (..) Tim (88) 9.9916-7711 ou TIM (88) 9.9985-0788.
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

POSTAGENS MAIS LIDAS