terça-feira, 25 de agosto de 2020

Poeta Pedro Bandeira, considerado mestre da cultura do Ceará, morre aos 82 anos

O poeta Pedro Bandeira, mestre da cultura do Ceará, morreu nesta segunda-feira (24-08-2020) aos 82 anos. Ele é autor de centenas de músicas, entre elas a peça “Graça Alcançada”, que veio a ser gravada por mais de 20 intérpretes e é considerada o hino dos romeiros e das romarias em Juazeiro do Norte. A causa da morte não foi divulgada.
O sepultamento acontece nesta terça-feira (25) após uma cerimônia reservada para a família. O secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano Piúba, destacou a importância do poeta para a cultura nordestina, ao mesmo tempo em que agradeceu pela contribuição de suas obras.
A Secretaria de Cultura do Estado do Ceará (Secult) publicou uma nota de pesar onde também lamenta com tristeza a morte do poeta.
"Com muita tristeza e pesar, o Ceará se despede desse grande artista. No coração, suas canções e também um mundo de gratidão por seu imenso legado e obra, por sua grandeza, por sua imensidão. Com pesar, a Secult Ceará agradece sua existência, festeja sua arte, e deseja luz e paz na sua travessia, escreveu em nota.
Biografia - Nascido em 1º de maio de 1938, no Sítio Riacho da Boa Vista, no município paraibano de São José de Piranhas, sendo filho de Tobias Pereira de Caldas e da poetisa Maria Bandeira de França. Bem jovem foi morar no Cariri cearense, onde fez fama com sua poesia e cantoria que ecoaram nas quermesses, festivais, rádios e televisões em todo o Nordeste. No ano de 2018, ele recebeu o título de Tesouro Vivo da Cultura pela Secult-CE, reconhecido pelo Governo do Ceará.
Cordelista também atuou como repentista, cantador, escritor, radialista e apresentador de TV. Formado em letras, teologia e direito, versa desde os seis anos. Aos 17, tornou-se profissional.
Pedro Bandeira é de uma família de poetas e é lembrado como uma das pessoas que cantou com mais maestria o sertão. Tinha um conhecimento profundo das coisas da terra e da religiosidade popular. A parceria com o cantador Geraldo Amâncio também é um ponto forte. Na área radiofônica, por sua vez, o início deu-se na Rádio Educadora e a “fama” aconteceu com o programa Viola e Violeiros, no Crato. Como escritor, escreveu também muitos folhetos.
Além de renomado expoente de uma geração de cantadores, Pedro Bandeira veio a destacar-se também na Literatura de Cordel, com mais de uma centena de títulos publicados e ilustrados pelos principais xilógrafos cearenses. Escreveu ainda 14 livros, entre eles “Matuto do Pé Rachado” e “O Sertão e a Viola”.
É neto materno do famoso cantador nordestino Manoel Galdino Bandeira, de quem herdou o talento repentista. Recebeu o título de Tesouro Vivo da Cultura do Ceará, concedido pela Secretaria da Cultura do Estado do Ceará, em 2018 e a Comenda Patativa do Assaré em 2019.
*** Informações com G1-CE
Solicite orçamento grátis. É rápido e você se livra da conta de energia. Seja sustentável. Financie 100%. Faça com quem entende. Empresa Lima Solar. Energia Fotovoltaica. Gere sua Energia Solar. Instalação e Projeto.
** Fone: 88-997054824

** Instagram: limasolaron
** Facebock: limasolar

** Youtub: limasolar
Início da propaganda: 08-08-2020 e termina em 08-09-2020


0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

POSTAGENS MAIS LIDAS