domingo, 12 de julho de 2020

Dá para transmitir o novo coronavírus pelo sexo?

Em meio a pandemia do novo coronavírus (Sars-CoV-2), as demonstrações de afeto precisaram mudar pela nossa segurança. Para evitar a Covid-19, abdicamos de abraços e beijos em quem não vive na mesma residência. Mas e o sexo? É possível transmitir o vírus na hora H? Existe um jeito seguro de transar ou isso também está fora de cogitação?
Antes de tudo, cabe ressaltar que a Covid-19 não é encarada como uma infecção sexualmente transmissível (IST). “Até o presente momento, vemos que a transmissão ocorre primordialmente via contato com gotículas respiratórias”, afirma o urologista Giuliano Aita, do Departamento de Sexualidade da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU).
No entanto, um estudo realizado na China com 38 pacientes identificou o vírus no sêmen, tanto na fase aguda da doença como no período de recuperação. “Só que a gente não sabe se isso é uma forma potencial de infecção”, pondera Aita. Ou seja, mesmo que ele esteja presente nesse líquido, é possível que não consiga usar essa via para infectar outras pessoas de maneira efetiva.
Outros experimentos encontraram o Sars-CoV-2 nas fezes de certas pessoas — o que teria implicações para o sexo anal, por exemplo. Por outro lado, ele ainda não foi encontrado no fluido vaginal.
A transmissão ato sexual, portanto, não está totalmente esclarecida. Mas é bom lembrar que o sexo não se resume à penetração ou ao contato com os genitais.
“O risco está muito mais nos beijos na boca e na grande proximidade entre as pessoas durante a relação”, pontua o urologista Henrique Rodrigues, membro da SBU no Rio de Janeiro.
Dá para fazer sexo de maneira segura durante a pandemia de coronavírus? - A possibilidade de infectar alguém entre quatro paredes não é sinônimo de abstenção. Seguindo certas recomendações, dá para manter a vida sexual ativa na quarentena.
O departamento de saúde da prefeitura de Nova York, nos Estados Unidos, até publicou um guia sobre o tema. O principal recado do documento é de que o seu parceiro mais seguro é você mesmo. Sim, estamos falando da masturbação.
Aliás, o mercado de brinquedos sexuais está em ascensão. “A recomendação é higienizá-los com álcool isopropílico ou água e sabão antes do uso e lavar as mãos por pelo menos 20 segundos antes e depois”, orienta Aita.
O sexo virtual é outra opção. “Temos observado nos comentários das redes sociais e na própria mídia que o número de adeptos aumentou”, comenta Aita.
Nesse cenário, não deixe de desinfetar os teclados e telas sensíveis ao toque antes e depois de utilizá-los, principalmente se você compartilha os aparelhos eletrônicos com outros indivíduos.
Já a prática a dois só está liberada entre quem vive debaixo do mesmo teto, obedece as regras do distanciamento social e adota os hábitos de higiene adequados. “Um casal que mora junto e não está com suspeita ou não foi diagnosticado com a Covid-19 pode continuar fazendo sexo normalmente”, tranquiliza Rodrigues.
#fiqueemcasa
*** Informações com REVISTA VEJA
Aluga-se excelente Ponto Comercial, localizado na Rua Cel. Pedro Aragão, 1366, Centro Comercial de Ipu, banheiro, ampla área. Lugar central e ao lado da Fábrica Wolga, coração da Terra de Iracema. ** Valor: R$ 350,00. Interessados ligar: (..) Tim (88) 9.9916-7711 ou TIM (88) 9.9985-0788.
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

POSTAGENS MAIS LIDAS