domingo, 26 de julho de 2020

Ceará vence o Vitória por 1 a 0 e se classifica para a semifinal da Copa do Nordeste

O Ceará venceu o Vitória por 1 a 0 neste sábado, 25 de julho de 2020, em jogo válido pelas quartas de final da Copa do Nordeste e está na semifinal da competição. O meia Vina abriu o placar em cobrança de pênalti e garantiu o placar mínimo que colocou o Vovô na próxima fase. Agora, o Alvinegro enfrenta o Fortaleza, em jogo único valendo vaga na decisão do torneio regional.
O jogo - Em menos de um minuto, o Ceará já tratou de movimentar o jogo. Ricardinho cobrou falta e Tiago Pagnussat escorou, mas a bola passou à esquerda do gol. Outro lance veio logo em seguida, quando Fernando Sobral, talvez tentando cruzar para a área, deu um chute “despretensioso” do lado direito, mas a bola foi direto pro gol e Ronaldo agarrou sem muita dificuldade.
Mas a primeira jogada realmente perigosa do Vovô foi em uma jogada coletiva. Bem nos primeiros minutos, o lateral direito Eduardo cruzou bola para Rick. O jovem atacante escorou para Vinícius, que foi travado. Em seguida, o meia passou de cabeça para o Rafael Sobis, mas o centroavante não alcançou.
Enquanto isso, o Vitória tinha dificuldade para jogar pelo chão, abusando de lançamentos buscando os laterais e atacantes de velocidade. No primeiro lance em que o time parou para construir com mais qualidade, Tiago Carleto, ex-jogador do Ceará, recebeu e chutou forte, mas a bola desviou na zaga. Alisson Farias também tentou, em chute de fora da área, mas Fernando Prass defendeu.
Aos 17 minutos, Guto Ferreira teve que fazer uma substituição forçada: Rick torceu o tornozelo e Victor Jacaré, estreando com a camisa alvinegra, entrou. Com pouco tempo em campo, o atacante protagonizou um contra-ataque com Fernando Sobral. Os atletas trocaram passes até Sobral cruzar para Rafael Sobis, que não aproveitou.
Com o tempo, o Vitória foi equilibrando as ações, enquanto o ímpeto do Ceará diminuia. O Alvinegro já não conseguia levar tanto perigo como antes, mas o Leão também não ameaçava tanto o adversário. Aos 42 minutos, com o cenário já começando a ficar mais preocupante, o Vovô teve uma baixa importante: Rafael Sobis passou mal, saiu chateado, e Cléber entrou no seu lugar.
O primeiro tempo já se caminhava para terminar com o 0 a 0 no placar, mas um lance mudou tudo. Aos 43 minutos, Bruno Pacheco cruzou na grande área. A bola quicou, passou por Fernando Sobral e chegou até Vinícius, que chutou de primeira. O braço de Tiago Carleto estava no caminho e o árbitro marcou pênalti. Na cobrança, Vina bateu alto, forte, a bola bateu no travessão e entrou, dando ao Ceará a vantagem de 1 a 0.
Já no segundo tempo, o Vovô tentou ampliar a vantagem aos 2 minutos, com cruzamento para Cléber, que não cabeceou bem. O Vitória deu a resposta dois minutos depois: após boa jogada de Alisson Farias, Tiago Cartletou cruzou e Fernando Neto, cara a cara com o gol, tentou de cabeça, mas a bola passou à esquerda de Fernando Prass.
Aos 15 minutos, o Ceará teve uma baixa importantíssima: depois de Ricardinho perder a bola no campo de ataque, Alisson Farias achou um passe para Jordy Caicedo, que partiu em velocidade entre os zagueiros. Sem alternativa, Luiz Otávio derrubou o atacante na meia-lua e recebeu cartão vermelho. Na cobrança de falta, Tiago Carleto cobrou forte e Fernando Prass fez grande defesa para evitar o gol.
Com a baixa na defesa, Guto Ferreira colocou o zagueiro Klaus no lugar de Ricardinho e o volante Marthã na vaga de Vina. A expulsão fez o Vitória ficar cada vez mais presente no campo de ataque. Lento, espaçado e errando muitos passes, o Ceará não criava boas oportunidades para responder à pressão do adversário. Aos 28 minutos, Tiago Carleto cruzou rasteiro para Jordy Caicedo, mas a bola queimou no pé do atacante e subiu.
Aos 30 minutos, um motivo inusitado paralisou a partida: nas arquibancadas, o presidente do Vitória, Paulo Carneiro, se recusou a colocar máscara de prevenção ao coronavírus. A informação circulou até chegar à arbitragem, que só retomou o jogo quase dois minutos depois.
Nos minutos finais, Ceará e Vitória já sentiam o peso da partida chegando ao fim e não conseguiram mais levar perigo. Aos 44 minutos, Gerson Magrão foi expulso pouco tempo depois de entrar. Tentando contra-ataques e contendo as chegadas do rubro-negro, o Vovô foi administrando o resultado até confirmar a vitória por 1 a 0 e a vaga nas semifinais do Nordestão.
#fiqueemcasa
*** Informações com JORNAL O POVO
Aluga-se excelente Ponto Comercial, localizado na Rua Cel. Pedro Aragão, 1366, Centro Comercial de Ipu, banheiro, ampla área. Lugar central e ao lado da Fábrica Wolga, coração da Terra de Iracema. ** Valor: R$ 350,00. Interessados ligar: (..) Tim (88) 9.9916-7711 ou TIM (88) 9.9985-0788.
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

POSTAGENS MAIS LIDAS