quarta-feira, 15 de julho de 2020

Atual prefeito de Granjeiro e seu pai são presos nesta quarta (15) suspeitos de participação na morte de João do Povo

A Polícia Civil do Estado do Ceará, por meio do Departamento de Polícia Judiciária do Interior Sul(DPJI/SUL) cumpre, nesta quarta-feira (15-07-2020), 15 mandados de busca e apreensão e 12 de prisão, sendo 9 preventivas e 3 domiciliares, nas cidades de Fortaleza, Crato, Juazeiro do Norte, Granjeiro e Salgueiro, em Pernambuco.

Dentre os presos estão Ticiano da Fonseca Félix, que também foi afastado do cargo de Prefeito Municipal, e seu pai, Vicente Félix de Sousa, além de um Policial Militar que, segundo as investigações, seria o articulador do crime.
A "Operação Granjeiro" trabalha com objetivo de investigar o crime de homicídio no qual foi vítima João Gregório Neto, então prefeito da cidade, que leva o mesmo nome da ação policial. A ofensiva conta com mais de 60 Policiais Civis.
Os mandados foram expedidos pelo Juízo da Comarca Vinculada de Granjeiro, após representação da Autoridade Policial e incontinente apoio do Ministério Público, que também forneceu elementos que demonstraram o uso da máquina pública para constrangimento e coação de testemunhas.
Participam da operação a Delegacia Regional de Crato(DRPC/Crato) e a Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais(CORE).
Execução - Conforme a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS), a polícia reuniu provas que indicam que o crime teve relação com a desavença política entre a vítima e outros políticos. Em janeiro deste ano, o atual prefeito de Granjeiro, Ticiano Tomé, e o pai dele, Vicente Félix de Souza, se tornaram suspeitos de envolvimento no crime. Contra Félix, a Justiça determinou que ele utilizasse tornozeleira eletrônica.
#fiqueemcasa
*** Informações com DIÁRIO DO NORDESTE
Aluga-se excelente Ponto Comercial, localizado na Rua Cel. Pedro Aragão, 1366, Centro Comercial de Ipu, banheiro, ampla área. Lugar central e ao lado da Fábrica Wolga, coração da Terra de Iracema. ** Valor: R$ 350,00. Interessados ligar: (..) Tim (88) 9.9916-7711 ou TIM (88) 9.9985-0788.
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

POSTAGENS MAIS LIDAS