quinta-feira, 30 de abril de 2020

Deputados aprovam projeto de lei que multa quem propagar informações falsas sobre pandemias no Ceará

A Assembleia Legislativa do Ceará (AL-CE) aprovou nesta quarta-feira, 29, durante sessão remota, projeto de lei que estipula multas financeiras a quem propagar propositalmente notícias fraudadas nas redes sociais no contexto da pandemia do novo coronavírus. O texto fala em punição a quem disseminar conteúdos falsos sobre "epidemias, endemias e pandemias no Estado do Ceará."
A proposta é de autoria dos deputados estaduais Augusta Brito (PCdoB) e Guilherme Landim (PDT) e com subscrição pelo vice-presidente da Casa, Fernando Santana (PT), e por Salmito Filho (PDT). Dois bolsonaristas no Legislativo, Dra. Silvana (PL) e André Fernandes (PSL) foram contrários à aprovação do texto.
Como O POVO já havia mostrado, as punições ficam entre R$ 224,40 e R$ 2,2 mil. Durante a tramitação na Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) houve alteração na redação do projeto pelo relator, o deputado Júlio César Filho (Cidadania), que substituiu o "fica determinado" por "fica sujeito" à multa. Segundo alegou o gabinete do deputado, a alteração foi modo de garantir a constitucionalidade da matéria.
Augusta enfatiza que o compartilhamento de notícias falsas agrava os impactos da pandemia por transmitir insegurança à população e, com isso, impactar negativamente a saúde pública. "Nesse sentindo, a nossa proposição é que este seja um instrumento a mais para que os órgãos competentes possam se utilizar e punir quem age de forma maldosa", defende a parlamentar.
Quando a deputada protocolou a matéria, no último dia 8, o Estado contabilizava 1,2 mil casos de contaminações pelo vírus, com 42 mortes. Nesta quarta-feira, data da aprovação, são 7,2 mil casos da infecção notificados e 441 óbitos, segundo dados da Secretaria de Saúde do Ceará (Sesa-CE).
No âmbito do Executivo, foi inaugurado também nesta quarta-feira um portal para checagem de notícias falsas e dados, o AntiFake.
O presidente do Legislativo, José Sarto (PDT), elogiou a iniciativa da colega de parlamento. “Hoje", segundo ele, "qualquer um se acha no direito e na razão de ter o mesmo peso na sua opinião do que um especialista que levou anos para estudar, para concentrar conhecimentos e para se manifestar.” Ele lembra que este é um desserviço feito no Brasil, no mundo e no Ceará.
E completou: "É importante que nós, líderes políticos, independentemente de partidos, não nos associemos a esse tipo de desserviço que alguns intencionalmente fazem no Brasil, no mundo, no Ceará, em Fortaleza”
#fiqueemcasa
*** Informações com: O Povo 
Aluga-se excelente Ponto Comercial, localizado na Rua Cel. Pedro Aragão, 1366, Centro Comercial de Ipu, banheiro, ampla área. Lugar central e ao lado da Fábrica Wolga, coração da Terra de Iracema. ** Valor: R$ 350,00. Interessados ligar: (..) Tim (88) 9.9916-7711 ou TIM (88) 9.9985-0788.
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

POSTAGENS MAIS LIDAS