quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

Advogado é preso com bilhetes para integrantes de facção nesta quarta (22), em Itaitinga, região metropolitana de Fortaleza.


O advogado Artur Frota Monteiro Júnior foi preso em flagrante, na tarde desta quarta-feira (22-01-2020), com bilhetes destinados a integrantes de uma organização criminosa. A prisão aconteceu na Casa de Privação Provisória de Liberdade Professor Jucá Neto (CPPL III), em Itaitinga, Região Metropolitana de Fortaleza. 
Em nota, a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP) informou que Artur foi flagrado por agentes penitenciários, que impediram o delito. "Os servidores notaram uma troca de documentos ilegais entre um interno e seu advogado. Os agentes abordaram o advogado Artur Frota Monteiro Junior e encontraram bilhetes que demonstravam informações e comandos para membros do crime organizado que estão fora dos presídios", diz a nota. 
Ainda segundo a pasta, a Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-CE) foi comunicada e enviou um representante para acompanhar a investigação policial.
"Através da diretoria de prerrogativas e do Centro de Apoio ao Advogado, a OAB-CE está apurando todos os fatos e acompanhando o caso para garantir a legalidade da prisão e também que o acusado tenha assegurado o direito à ampla defesa e ao contraditório. Informamos que, em caso de infração ao código de ética, a OAB tem o dever de abrir um processo disciplinar no Tribunal de Ética e Disciplina (TED)", diz nota divulgada pela OAB-CE. 
Desde o segundo semestre do ano passado, cerca de quatro advogados foram investigados por relação com o crime organizado. Um dos registros aconteceu em meio aos ataques aos prédios e coletivos, durante o mês de setembro. Um dos suspeitos é Alaor Patrício Júnior (25), preso na mesma situação em que Artur foi encontrado. Ele teve o registro suspenso pela Ordem. 
ADVOGADA DO CRIME - Espancada por uma interna no Instituto Penal Feminino Auri Moura Costa, em Aquiraz, a advogada Elisângela Maria Mororó deve ficar presa por um bom tempo. Investigada por forjar uma gravidez e pagar para ser agredida, ela possui diversos mandados de prisão em aberto. O primeiro é o flagrante, convertido em prisão preventiva por posse ilegal de arma de fogo. Depois, dois mandados de prisão preventiva que foram pedidos pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco) e pela Polícia Federal por ela fazer parte de uma organização criminosa, e, por fim, um outro mandado de prisão que foi decretado pela Justiça por suspeita de participação da advogada no assalto a um fórum no interior do Ceará. Uma ação cinematográfica, que visava beneficiar outro criminoso, cliente dela.
OUTROS CASOSLucas Arruda Rolim é o advogado que organiza as mensagens repassadas. A Polícia Civil apreendeu cerca de 100 anotações escritas por ele. O advogado tentou se desfazer das provas, mas depois assumiu a autoria dos documentos. Neste ano, o profissional realizou 208 visitas ao sistema prisional. Ele foi preso, mas ganhou liberdade mediante habeas corpus. 
Rafael Paulino Pinto Neto é outro nome na lista da Polícia dos "homens de recado" que tem acesso às unidades prisionais cearenses. O advogado auxilia na administração de uma especie de consórcio do crime onde os presos, independente da facção, contribuem com dinheiro para financiar os crimes.

*** Informações com CNEWS
Atenção - Pedimos aos nossos "Seguidores amigos" que participem do nosso novo Canal de Comunicação de Vídeos do YouTube. Contamos com a inscrição de todos. CLIQUE AQUI. Estamos também trabalhando com imagens aéreas de Drone. Interessados ligar: (..) Tim (88) 9.9916-7711.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket