segunda-feira, 8 de julho de 2019

Repórter Mauro Naves deixa TV Globo após 31 anos

O Grupo Globo informou nesta segunda-feira (8) que o jornalista Mauro Naves, 59 anos, não trabalha mais na empresa. Em junho, ele já havia sido, após a emissora divulgar que ele teria tido atitudes que contrariam "a expectativa da empresa sobre a conduta de seus jornalistas".
"O Grupo Globo e o jornalista Mauro Naves decidiram encerrar consensualmente o contrato de prestação de serviços que mantinham. O Grupo Globo reconhece a imensa contribuição de Mauro Naves ao jornalismo esportivo e a ele agradece os 31 anos de dedicação e colaboração", afirma a nota de desligamento divulgada pela emissora.
O motivo do afastamento em junho, segundo a Globo, foi em razão do repórter ter passado o contato do pai de Neymar a José Edgard Bueno, advogado que trabalhava para Najila Trindade. Ela afirma ter sigo agredida e estuprada pelo jogador do Paris Saint-Germain. Neymar nega, e o caso é investigado pela Polícia Civil.
Na ocasião do afastamento, a Globo afirmou que, "em sua defesa, o jornalista disse que se limitou a repassar os contatos do pai do Neymar para o advogado, a quem já conhecia, porque esperava obter a história com exclusividade -e que quando o assunto se tornou público, avaliou que sua participação não teria relevância."
Em entrevista ao programa TV Fama, em junho, a atriz Patricia Naves, mulher do repórter, disse que o afastamento causou uma grande dor na família. "Acho que ninguém deveria passar o que o Mauro está passando. Eu preferiria não falar, mas não posso. A dor que todos nós da família estamos passando, não desejaria ao meu pior inimigo", disse
Naves não foi encontrado pela reportagem até a publicação da reportagem.
*** Informações com FolhaPress via Notícias ao Minuto
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.8121-9041 (VIVO).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket