segunda-feira, 21 de janeiro de 2019

Policial fica revoltado ao flagrar a esposa com dois colegas de farda em quarto de hotel

Uma discussão em um hotel terminou com três pessoas presas, entre elas, dois policiais e a esposa de outro policial. O barraco aconteceu no Hotel Villa de Aguayo, no centro da cidade de Ciudad Victoria, no Peru. Conforme informações divulgadas pela imprensa local, a polícia foi acionada para comparecer ao hotel pois havia uma briga envolvendo dois homens e uma mulher.
As autoridades relataram que o trio inicialmente estavam em um bar ingerido bebidas alcoólicas, quando decidiram realizar um ato íntimo a três, então foram para um hotel.
De acordo com os funcionários do hotel, o trio chegou ao estabelecimento e alugaram um quarto. Porém, após algumas horas começaram a fazer muito barulho. 
Por algumas horas, risos, o ranger dos móveis, músicas e gritos foram ouvidos saindo do quarto. Porém, em determinado momento, os ânimos se alteraram e partiram para a briga. 
Quando as autoridades chegaram ao local informado, um homem estava sem roupas e algemado e as mulheres de roupas íntimas.
A polícia relatou que a briga entre os dois policiais aconteceu após um deles questionar que seu parceiro teve mais intimidade com a mulher do que ele. 
Porém, quando a mulher viu a polícia chegando ao local, tentou fugir pela escada, mas foi detida por um policial, que era seu esposo. O policial ficou revoltado, passou mal e teve que ser levado para uma unidade médica, após flagrar a infidelidade da esposa.
Os dois homens foram presos e levados para uma unidade policial na localidade. Uma audiência de custódia foi agendada para essa semana, onde um juiz vai analisar o caso e tomas as medidas necessárias dentro da lei.
*** Informações com: 1 News
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM) e (88) 9.9292-5553 (CLARO).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket