segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Um "Ato de Protesto" na Bica de Ipu marcou o feriado do "Dia de Finados" nesta sexta (02). Assista aos vídeos.

Na manhã desta sexta-feira (02-11-2018) aconteceu um "Ato de Protesto" na Bica de Ipu, a manifestação e a intervenção do ato público foi orquestrada pela artista plastica, ipuense Klaudiana Torres, e pelo empresário e ativista, Antônio Melo Marinho Filho, o conhecido "Toinho Marinho".
Uma enorme faixa preta medindo cerca de 146 metros foi colocada na queda d'água do leito do Riacho Ipuçada, simbolizando o "luto" pela morte da "Bica de Ipu" neste feriado do "Dia de Finados", em Ipu.
A manifestação tem como objetivo, chamar a atenção das autoridades do Governo Estadual, Governo Municipal, órgãos: Apa da Bica do Ipu, Secretaria de Turismo do Estado e do Município, Secretaria do Meio Ambiente e demais autoridades de competência local, para que seja resolvido este represamento dos exploradores do riacho Ipuçaba, que todos os anos compromete o turismo de Ipu, com a falta de água no maior e mais belo cartão postal do município, a formosa, Bica de Ipu; neste período que antecede os meses de setembro, outubro, novembro, dezembro e início de janeiro.
Na ocasião tivemos a partição do ex-secretário de Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, ipuense Sílvio Carvalho e do advogado e radialista, Dr. Rárisson Ramon.
Acompanhe agora aos vídeos, e imagens de bastidores, uma produção do radialista e blogueiro Afrânio Soares, redator do Portal de Notícias Aconteceu Ipu. Desde já agradecemos aos amigos internautas, seguidores e colaboradores que diariamente "curtem" e "compartilham" da confiança em nosso trabalho de divulgação.
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM) e (88) 9.9292-5553 (CLARO).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket