segunda-feira, 5 de novembro de 2018

Manipulação do usuário pelo controle de dados na internet é tema da redação do Enem 2018


A professora de Redação do Colégio Ari de Sá, Viviane de Souza, acredita que a discussão, apesar de estar relacionada à realidade da maioria dos estudantes, é motivo de surpresa. "Esse tema, por ser bem específico, pede a análise dos textos motivadores para ver qual direcionamento dar. Isso muda muito a perspectiva do recorte", analisa.
Segundo ela, a primeira coisa que o candidato precisa observar é que a temática não se restringe ao cotidiano dos brasileiros. "Tivemos o caso do Facebook, que vazou muitos dados de usuários em âmbito mundial e teve todo um questionamento relacionado a isso", aponta.
A professora chama atenção ainda para uma espécie de "automanipulação" a que podemos nos submeter enquanto usuários. "Quando fazemos um cadastro na internet, deixamos todo nosso perfil ali. A partir disso pode haver manipulação. A gente começa a receber e acompanhar assuntos relacionados às nossas preferências e acabamos não vendo uma realidade mais abrangente. Nós nos fechamos na bolha criada com esse perfil da rede social e isso é negativo", avalia.
Viviane lembra ainda que, em agosto, foi sancionada uma Lei de Proteção de Dados no Brasil. Daqui a um ano, os cidadãos poderão saber como empresas públicas e privadas tratam os dados pessoais: como e por que coletam, como armazenam, por quanto tempo guardam e com quem compartilham.
A aplicação do Enem 2018 começou às 13h30 (Horário de Brasília) deste domingo, 4 de novembro, em todo o país. Os participantes terão 5 horas e 30 minutos para fazer as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias, com 90 questões, além da Redação.

*** Informações com Diário do Nordeste
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM) e (88) 9.9292-5553 (CLARO).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores