terça-feira, 16 de outubro de 2018

Após motins, mulheres de detentos bloqueiam BR-116 em frente ao Complexo Penitenciário de Itaitinga. Assista



Cerca de 50 pessoas, a maioria mulheres e crianças, interditam nesta manhã de terça-feira (16-10-2018), a BR-116, na altura do quilômetro 17, no Município de Itaitinga, Região Metropolitana de Fortaleza (RMF). Trata-se de um protesto de familiares de detentos que estão cumprindo pena ou aguardando julgamento nas seis unidades que formam o Complexo Penitenciário de Itaitinga, as Casas de Privação Provisória da Liberdade (CPPLs) 1,2,3,4 e 5, além da Unidade Prisional José Sobreira Amorim.

A manifestação, segundo a Polícia Rodoviária Federal (PRF), já atingiu o bloqueio total da rodovia, isto é, as duas pistas nos sentidos Capital-Interior e vice-versa. Os manifestantes cobram do estado melhorias nas condições dos presídios e querem a presença de representantes da Imprensa local para terminar o protesto.
A manifestação deu prosseguimento ao clima de tensão nas seis unidades do Complexo Penitenciário de Itaitinga, além do Instituto Presídio Professor Olavo Oliveira Dois (IPPOO 2), que, juntamente com a Unidade Prisional José Sobreira Amorim, foi palco de uma rebelião entre a noite de ontem e a madrugada de hoje.
Os presos queimaram colchões, roupas, lençóis e toalhas e quebraram grades das celas e pavilhões das duas unidades do Sistema Penal. Imagens dos motins foram postadas em forma de vídeos nos aplicativos de celulares e redes sociais pelos próprios detentos.
Nota - A Secretaria da Justiça e da Cidadania (Sejus) emitiu, agora há pouco, uma nota oficial abordando a rebelião ocorrida na noite desta segunda-feira em dois presídios de Itaitinga. A Pasta desmentiu ter ocorrido um motim no IPPOO 2. (..) “A Secretaria da Justiça e Cidadania do Estado informa que agentes penitenciários controlaram o princípio de motim registrado na Unidade Prisional Professor José Sobreira de Amorim, em Itaitinga, na noite desta segunda (15). À noite, internos da unidade prisional atearam fogo em colchões, atingindo o banho de sol. A ocorrência foi contida por agentes plantonistas da própria unidade e de unidades vizinhas, do Grupo de Ações Penitenciárias (GAP) e do Grupo de Operações Regionais (Gore) e contou com apoio do BPGEP e Batalhão de Choque. As celas não foram danificadas. Alguns internos tiveram pequenos ferimentos e foram atendidos no próprio estabelecimento prisional. Os reparos já estão sendo providenciados. A Polícia Civil já está apurando as causas do ocorrido. A Sejus assegura que nenhuma ocorrência foi registrada no Instituto Penal Professor Olavo Oliveira (IPPOO II)”.
*** Informações com Blog Fernando Ribeiro

Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM) e (88) 9.9292-5553 (CLARO).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket