sexta-feira, 14 de setembro de 2018

Em Brejo Santo, MP denuncia homem por estupro e cárcere privado de adolescente.

Sob acusação de ter abusado sexualmente uma adolescente e de tê-la mantida em cárcere privado, Sérgio Lopes de Oliveira teve denúncia oferecida pelo Ministério Público do Ceará (MPCE), nesta quinta-feira, 13. O crime aconteceu na cidade de Brejo Santo, a 510 km de Fortaleza, no último dia 24 de agosto.
De acordo com a denúncia, o acusado teria abordado a adolescente próxima à sua residência, ameaçando-a com uma faca contra seu pescoço. A partir daí, Sérgio Lopes a levou para um terreno baldio, que dá acesso a um matagal, nas proximidades do Sítio Baraúna, na zona rural da cidade.
No local, o acusado teria violentado a adolescente, obrigando-a a manter relação sexual com ele e privando-a de liberdade. Por durante mais de 24 horas no local, a vítima conseguiu fugir, sendo socorrida em uma estrada carroçal e levada ao hospital, onde realizou exame de corpo de delito, que confirmou vestígios de agressão física e sexual.
No dia 1º de setembro, Sérgio foi localizado no município de Barro, a 50 km de Brejo Santo, sendo abordado por policiais do Batalhão de Policiamento e Rondas de Ações Intensivas e Ostensivas, que o conduziram à Delegacia de Brejo Santo.
O Ministério Público pede, na denúncia, a condenação do acusado pelos crimes contra a dignidade sexual e de cárcere privado. Se condenado, Sérgio Lopes poderá passar até 17 anos preso, podendo ter situação piorada, de acordo com o promotor de Justiça Muriel Vasconcelos Damasceno, o qual ressalta que crime de estupro é classificado como hediondo.
Por se tratar de uma vítima adolescente, o MPCE solicitou que o processo corresse sob segredo de Justiça.
*** Informações com Jornal O Povo
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM) e (88) 9.9292-5553 (CLARO).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket