terça-feira, 21 de agosto de 2018

Carteira é flagrada rasgando correspondências no meio da rua e acaba afastada. Assista

Uma carteira que foi flagrada rasgando correspondências no meio da rua no bairro Santa Genoveva, em Goiânia, foi afastado na tarde desta última sexta-feira (17/8). Na gravação, que foi feita sem que a mulher percebesse, ela aparece na bicicleta e destruindo as cartas ainda dentro da bolsa dos Correios. A empresa confirmou o afastamento por meio de nota.
O vídeo que viralizou nas redes sociais tem cerca de dois minutos de duração. Durante esse tempo, é possível a carteira rasgando dezenas de envelopes. Ela chega a fazer força para destruir algumas cartas juntas.
A mulher olha para os lados, certificando-se de que não é observada por ninguém e sem saber que estava sendo filmada enquanto realizava o ato. Moradores da região do Santa Genoveva chegaram a reclamar que há problemas na entrega de correspondência. Entretanto, em nota, os Correios alegam que o serviço está normal.
Em entrevista ao Portal Dia Online, o secretário do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios, Eziraldo Vieira, informou que a funcionária exercia suas funções na empresa desde 2011, e nunca havia sido alvo de reclamações ou denúncias.
Procurada pela reportagem do Dia Online, a empresa Correios confirmou que um processo administrativo foi instaurado e a funcionária foi afastada.
Leia a nota dos Correios na íntegra sobre o afastamento da carteira que rasgou correspondências. (..) “Nota resposta - Sobre a empregada filmada no bairro Santa Genoveva, em Goiânia, os Correios informam que foi aberto um processo administrativo disciplinar para apurar o caso. A profissional foi afastada das atividades externas até que a apuração seja concluída.”
*** Informações com 24 Horas News
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM) e (88) 9.9292-5553 (CLARO).
PS.: "Se algum dia você for surpreendido pela injustiça ou pela ingratidão, não deixe de crer na vida, de engrandecê-la pela decência, de construí-la pelo trabalho." (Edson Queiroz).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket