segunda-feira, 2 de julho de 2018

Em matéria sobre o turismo no Ceará, Ipu é destaque com a formosa "Bica de Ipu".

O Interior do Ceará oferece diversas atrações para quem quer passear, se divertir ou simplesmente descansar nas férias de julho. Em Camocim, no Litoral Oeste, entre os principais atrativos, está a Avenida Beira-Mar, em frente ao Rio Coreaú, com bares, restaurantes, artesanato, além da travessia de barco; as águas refrescantes da Praia do Maceió; o Lago Grande, com barracas de praia e redes dentro d'água; além de passeios de bugre para as praias da Tatajuba e Guriú.
"Temos os atrativos naturais e também para quem vem em busca de novidades em termos de ecoaventura, sem falar na culinária", destaca Rosana Lima, secretária de Turismo de Camocim.
Já no Litoral Leste, do Iguape (Aquiraz); a Icapuí, no limite com o Rio Grande Norte, há belas praias e múltiplas atividades: passeios pelas dunas, visitas às falésias, banho em águas mornas e barracas com a culinária típica. A Praia de Canoa Quebrada (Aracati), é destino turístico internacional que recebe milhares de visitantes ao longo do ano.
Icapuí ainda esconde praias desertas e falésias. Ponta Grossa e Redonda são opções, com manguezais e barras de rios também. Há extensa rede de hospedagem e os guias locais indicam os atrativos em cada praia. Além da badaladas Morro Branco e Praia das Fontes (Beberibe), existem recantos a serem desvendados: Águas Belas (Cascavel), Parajuru e Uruaú (Beberibe), Pontal de Maceió (Fortim).
Cultura e aventuraEm julho, no Cariri cearense, não se fala em outra coisa a não ser a Exposição Centro Nordestina de Animais e Produtos Derivados, a Expocrato, que chega à 67ª edição com caráter de festival e irá reunir 40 atrações, entre artistas nacionais e locais, de 14 e 22 de julho. Além dos shows, a feira agropecuária movimenta o comércio de animais, equipamentos agrícolas e alimentos. Segundo o secretário de Turismo e Desenvolvimento Econômico de Crato, Luís Carlos Saraiva, serão montados estandes, no Parque Pedro Felício Cavalcante e no Cariri Garden Shopping, apontando alguns pontos turísticos da Região.
Ainda no Crato, há muitas trilhas, agora com o apoio do projeto "Domingo nas Trilhas", no qual o passeio é acompanhado por guardas civis e pela Polícia Ambiental. Há opções de caminhadas em meio a fontes naturais e riachos, como na comunidade Chico Gomes e no Parque Estadual Sítio Fundão. Além disso, há patrimônios históricos, como o largo da RFFSA e o Caldeirão da Santa Cruz do Deserto, a 33Km da sede. Como turismo religioso, há o Horto de Nossa Senhora de Fátima.
Muitos romeiros aproveitam o período de férias escolares para visitar Juazeiro do Norte. Na Terra do Padre Cícero, a Colina do Horto, principal cartão-postal da Cidade, recebeu em média 5 mil pessoas por dia, em julho do ano passado. O turista também pode visitar o Museu Vivo, a Casa Museu, onde morou o pároco fundador de Juazeiro, e o Memorial Padre Cícero. Na Capela do Socorro, o túmulo do patriarca é outro local muito visitado.
Outra importante atração do Cariri é o Geopark Araripe, com nove geossítios, em seis municípios: a Cachoeira de Missão Velha e Floresta Petrificada (Missão Velha); Batateira (Crato); Colina do Horto (Juazeiro do Norte); Parque dos Pterossauros, Pedra Cariri, Pontal da Santa Cruz (Santana do Cariri); Ponte de Pedra (Nova Olinda); e Riacho do Meio (Barbalha).
Em Missão Velha, também há o Santuário de São José, a mais antiga paróquia da região, com 270 anos. Já Barbalha, além do Centro Histórico, com casarões do Século XIX, oferece passeios aos balneários, como o Arajara Park e o Caldas. Nova Olinda merece destaque também pelo artesanato de couro de Espedito Seleiro e pela Fundação Casa Grande. E Santana do Cariri ainda tem o Museu de Paleontologia Plácido Cidade Nuvens, que abriga 7 mil itens na área de exposição, do período Cretáceo, de mais de 110 milhões de anos.
Voo livreA 160Km da Capital, Quixadá é considerada por muitos a terra da aventura, ideal para aproveitar as férias em meio à natureza e praticar esportes, inclusive radicais, como o voo livre. Além da rampa, na Serra do Urucum, ao lado do Santuário de Nossa Senhora Imaculada Rainha do Sertão, tem o ponto de decolagem do Pedra dos Ventos Resort, com voos duplos.
Neste fim de semana foi promovido o Quixadá Verde, um torneio na categoria cross country, para pilotos do Ceará e de estados do Norte e do Nordeste, abrindo também a pré-temporada dessa modalidade esportiva na cidade. A mobilização, dos promotores da competição e da Associação de Voo Livre do Sertão Central, atraiu mais de 60 participantes e acompanhantes.
Percorrer as dezenas de trilhas no entorno da Cidade e também escalar os monólitos são boas diversões para os jovens, sem muitas despesas. Por segurança, é importante contar com o auxílio de guias esportistas. Preferindo mais tranquilidade o Açude Cedro é uma boa opção de passeio.
Açudes no SertãoNo sertão, os açudes são realmente grandes atrativos. O Castanhão, maior do Ceará, e o Orós, o segundo, oferecem opções de passeio de barco e a culinária sertaneja com peixe frito e cozido acompanhado de baião de dois, queijo de coalho, pirão e macaxeira. Apesar do reduzido volume de água nos dois reservatórios, as atividades de lazer se mantêm. "Houve retração, mas sempre recebemos visitantes", diz o barqueiro e pescador Pedro Ferreira, no Açude Orós. O Castanhão, em Jaguaribara, oferece, ainda, opção de pesca esportiva. As duas cidades dispõem de hospedagens.
Trilhas da serraNa Serra da Ibiapaba, o Parque Nacional de Ubajara, nos municípios de Ubajara, Tianguá e Frecheirinha, apresenta a história dos primeiros moradores, a flora e fauna. O turista pode escolher uma das três trilhas de acesso aos atrativos, inclusive à própria Gruta de Ubajara. Os guias conduzem o visitante pela mata fechada, em passeio que garante belas imagens com quedas d'água, entre elas, a Cachoeira do Cafundó, com 75m formando piscina de água cristalina; assim como a Cachoeira do Gavião, com corredeiras e cascatas.
"Cerca de 70 mil turistas passam pelo Parque, ao longo do ano e, neste período de férias, o Município, que já está com sua rede hoteleira em 99% fechada, oferece outros atrativos com o mesmo apelo ecológico e festividades que fazem parte de nosso calendário do período", explica o secretário de Turismo de Ubajara, Glauber Sousa.
Banho de bicaConsiderada um dos maiores atrativos do Ceará, a Bica do Ipu, localizada no sopé da Serra da Ibiapaba, a queda d'água de 130m forma um Véu de Noiva para a alegria dos visitantes, em sua maioria vindos de outros municípios cearenses e dos estados Piauí e Maranhão. A Bica fica em um complexo verde de 914 mil m², com restaurante rústico e mirante. O local possui trilhas que se estendem pela mata fechada da encosta até próximo à Bica, com uma privilegiada visão do paredão que se forma no entorno. "Tivemos uma média de 250 visitantes nos fins de semana, já em junho. Com certeza, o fluxo deve aumentar nas férias", comemora Tatiana Soares, funcionária do restaurante.
*** Informações com Diário do Nordeste - Adaptada para o AI.
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM) e (88) 9.9292-5553 (CLARO).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores