segunda-feira, 11 de junho de 2018

Ceará tem a gasolina mais cara do Nordeste, diz ANP.

O preço médio do litro da gasolina caiu R$ 0,072 no Ceará, chegando a R$ 4,784 nos postos de combustível do Estado, quando estava a R$ 4,856 anteriormente. Porém, o Estado apresenta o valor mais caro do Nordeste e o quinto maior do País.
Os dados são do último levantamento da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), realizado em 217 estabelecimentos do Ceará, na semana passada (3 a 9 de junho), e foram comparados com pesquisa feita entre os dias 27 de maio a 2 de junho deste ano.
Em Fortaleza, na mesma base de comparação, o valor médio do litro da gasolina passou de R$ 4,878 para R$ 4,792, uma queda de R$ 0,086. A Cidade figura como a quinto lugar na análise dos valores mais caros do preço do combustível entre as capitais do Brasil. Perde apenas para Rio de Janeiro (R$ 5,004), Rio Branco (R$ 4,978), Belo Horizonte (R$ 4,887) e Goiânia (R$ 4,875).
Na análise dos 13 municípios do Ceará, considerados para o levantamento da ANP, a Capital figura em 7º colocado entre o combustível mais caro. Crateús mantém a liderança, com o preço médio a R$ 4,91, seguido de Caucaia (R$ 4,822), Juazeiro do Norte (R$ 4,821), Maracanaú (R$ 4,805) e Crato (R$ 4,803).
Os mais baratos ficam por conta de Limoeiro do Norte (R$ 4,573), Sobral (R$ 4,618), Quixadá (R$ 4,649), Iguatu (R$ R$ 4,702) e Icó (R$ 4,739). Os outros municípios pesquisados foram Itapipoca (R$ 4,795) e Canindé (R$ 4,771).
No País, os valores médios mais altos encontrados nas bombas de combustível dos postos ficaram por conta do Acre (R$ 5,038), Rio de Janeiro (R$ 5,016), Minas Gerais (R$ 4,902) e Goiás (R$ 4,837). Já no Nordeste, ficam logo atrás do Ceará os estados de Alagoas (R$ 4,693), Bahia (R$ 4,645), Piauí (R$ 4,617) e Pernambuco (R$ 4,595).
O aumento nos preços dos combustíveis, acompanhando a política de reajustes de preços da Petrobras, é o que tem pesado na inflação oficial do País nos últimos 12 meses. O grande vilão do Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) nos últimos 12 meses foi a gasolina, com um aumento nas bombas de 21,48%, o equivalente a 0,81 ponto porcentual da taxa de 2,86% acumulada pelo IPCA no período.
O diesel subiu 19,78% em 12 meses, mas pesa menos na inflação ao consumidor, por isso o impacto se limitou a 0,03 ponto porcentual. A gasolina e o diesel puxaram a alta de 1,38% registrada pela inflação de preços monitorados em maio. (Beatriz Cavalcante, com Agência Estado).
- CRATEÚS R$ 4,91
- CAUCAIA R,822
- JUAZEIRO DO NORTE R$ 4,821
- MARACANAÚ R$ 4,805
- CRATO R$ 4,803
- ITAPIPOCA R$ 4,795
- FORTALEZA R$ 4,792 - CANINDÉ R$ 4,771
- ICÓ R$ 4,739 - IGUATU R$ 4,702
- QUIXADÁ R$ 4,649
- SOBRAL R$ 4,618
- LIMOEIRO DO NORTE R$ 4,573
Números21,48% Foi o percentual de aumento nas bombas de gasolina nos últimos 12 meses no País.
*** Informações com O Povo
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711 (TIM). Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918 (TIM) e (88) 9.9292-5553 (CLARO).

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores