quinta-feira, 8 de março de 2018

Corpo de interno é encontrado em área de vivência nesta quarta (07), em Juazeiro do Norte. Assista ao vídeo

O corpo de Francisco de Assis Ribeiro da Silva, 30 anos, foi encontrado, nesta quarta-feira (07-03-2018), em uma das áreas de vivência da Prenitenciária Industrial e Regional do Cariri (PIRC), em Juazeiro do Norte. O achado acontece no mesmo dia em que dois presos foram mortos e nove ficaram feridos, durante um tiroteio na Cadeia Pública de Pentecoste. 
Francisco era procedente da Comarca de Quiterianópoles, no Inhamus. Este foi o terceiro cadáver encontrado este ano dentro da PIRC. A morte do interno será investigada pela Polícia Civil e Perícia Forense, que não descartam crime de homicídio. O caso também é acompanhado pela direção da unidade e Comissão de Direitos Humanos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-CE). 

Para o advogado Rafael Uchôa, da Comissão de Direitos Humanos da OAB-CE, a situação é preocupante. O jurista classificou a unidade como um "barril de pólvora prestes a explodir". 
Pentecoste - Mais cedo, a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS) confirmou a morte de dois presos em outra unidade prisional, a Cadeia Pública de Pentecoste. "A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) investiga as circunstâncias da ocorrência", diz nota encaminhada à redação. De acordo com informações extraoficiais, o ocorrido teria sido motivado por uma briga entre facções criminosas. 
Chacina de Itapajé - Os casos acontecem quase dois meses após a Chacina de Itapajé, quando dez homens foram mortos dentro de uma cadeia no município. Na época, o presidente do Sindicato dos Agentes e Servidores Públicos do Sistema Penitenciário do Estado do Ceará (Sindasp-CE), Valdemiro Barbosa, afirmou o local tem capacidade para 25 detentos, no entanto abrigava cerca de 100 presos no momento do ocorrido.
A Comissão Interamericana de Direitos Humanos (CIDH) condenou os atos de violência ocorridos na unidade. Em fevereiro, a Polícia Civil divulgou que uma adolescente foi responsável por entregar as duas armas de fogo que foram utilizadas durante a chacina.

*** Informações com CNEWS
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores