segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Ex-assessor de Temer, Rocha Loures vira réu por mala de R$ 500 mil

A Justiça Federal em Brasília aceitou nesta segunda-feira (11) a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-deputado Rodrigo Rocha Loures por corrupção passiva. Com a denúncia aceita, o ex-deputado passou à condição de réu nas investigações baseadas nas delações premiadas da JBS.
Em junho, o ex-parlamentar foi flagrado pela Polícia Federal (PF) no momento em que recebia uma mala com R$ 500 mil na Operação Patmos, investigação baseada na delação premiada de executivos da empresa JBS. 
Loures foi preso a pedido do ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot, mas ganhou o direito de cumprir prisão domiciliar enquanto responde ao processo criminal.
O caso começou a tramitar no Supremo Tribunal Federal (STF), mas o ministro Edson Fachin entendeu que o ex-deputado não tem mais foro privilegiado e deve responder às acusações na primeira instância.
*** Informações com Agência Brasil/Jornal do Brasil
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket