quinta-feira, 19 de outubro de 2017

Internautas e testemunha rebatem versão de Luana Piovani. Reveja a notícia com vídeo.

Publicações feitas por Luana Piovani e Antônia Fontenelle em uma rede social, ganharam grande repercussão e estamparam a primeira página de jornais e portais de notícias, nesta quarta-feira (18). As celebridades criticavam a segurança em Jericoacoara, por conta de uma confusão envolvendo um grupo de amigos em comum. Entretanto, as publicações receberam inúmeros comentários negativos, criticando o posicionamento das artistas. Além disto, uma testemunha que estava na mesma festa onde o conflito aconteceu, rebateu a versão apresentada pelas celebridades. 

“O cara [amigo de Piovani] foi ao banheiro e o Mukeka [apontado pela atriz como agressor] chegou para dar em cima da menina. Quando o namorado dela voltou, já chegou dando uma cotovelada e o Mukeka revidou com soco e as pessoas que estavam lá e conhecem ele também se envolveram”, disse a testemunha, que teve a identidade preservada. 
Segundo a testemunha, Mukeka não sabia que a mulher namorava e por isto se aproximou. Como ele é conhecido, quem estava na festa se aproximou para o ajudar. 
Nas redes sociais de Piovani e Fontenelle, a postura das atrizes foi criticada. “Isso é egoísmo. Esse exagero é porque foi com os amigos delas… Jeri tem gente correta, hospitaleira, acolhedora, assim como tem no Rio e São Paulo. Você não concorda?”, comentou um seguidor, na página de Luana. “Já fui umas 200 vezes e nunca aconteceu nada comigo, assim como também nunca presenciei nada com ninguém. Sempre vejo policiamento sim e pelo que acompanhei nas redes sociais, não houve nada demais, a situação foi bem diferente do que foi exposto na mídia. Acho injusto fazer esse terrorismo em relação a um lugar incrível por um evento isolado, que ocorre em qualquer lugar do mundo. Jeri é maravilhoso, superseguro e um dos melhores lugares do mundo”, escreveu outro. 
Antônia Fontenelle também publicou um vídeo na internet para defender os amigos e marcou o perfil de Mukeka. “Esse é o perfil do agressor que liderou a agressão que por pouco não acabou em morte”, escreveu. “Chega de mimimi e vem para Jeri”, respondeu um internauta. “Mais respeito por milhares de pessoas que vivem aqui e daqui tiram o seu sustento realizando o sonho de todo o Brasil e do mundo que buscam um lugar tranquilo para passar suas férias. Não use sua imagem influente em redes sociais para acabar com o nosso paraíso natural”, comentou um seguidor. 
A atriz Luana Piovani chegou a afirmar que não existe nenhum policiamento na região, mas a Secretaria de Segurança Pública do Ceará negou a informação e disse que o trabalho na região é feito por 20 policiais militares e duas viaturas permanentes do Batalhão de Policiamento Turístico, durante 24 horas por dia. 
Sobre a agressão, a Secretaria informou que a Delegacia Municipal de Jijoca de Jericoacoara está ciente do caso e policiais civis estão em investigações, no intuito de verificar a existência de imagens de câmeras na área, bem como realizar levantamentos necessários para identificar os agressores.

*** Informações com CNEWS
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores