quarta-feira, 30 de agosto de 2017

Dono de comércio assaltado 51 vezes desabafa: 'B.Os não servem de nada'

Um posto de combustíveis no Bairro Barroso, em Fortaleza, foi assaltado 51 vezes em menos de dois meses. O ataque mais recente ocorreu na manhã desta quarta-feira (30). Em todos os casos, o proprietário do estabelecimento, o empresário José Amintas, fez Boletim de Ocorrência (B.O) na mesma delegacia, no caso, o 30º Distrito Policial. Porém, nenhuma equipe de segurança visitou o local nesses 60 dias.
No último assalto as câmeras de segurança do posto de combustível flagraram a ação dos bandidos. Quatro homens chegam em um veículo. Dois saem do automóvel e anunciam o assalto. Um deles leva uma moto de um cliente. Em seguida fogem. Um funcionário do posto que prefere não ser identificado disse que eles levaram pouco dinheiro, pois o posto tinha acabado de abrir. "Levaram todo o dinheiro que a gente tinha. Pouco. Pois era bem cedo e o posto tinha acabado de abrir", afirmou.
O empresário José Amintas disse que trabalhar no posto está difícil. Somente no mês de julho, segundo ele, no pequeno espaço de 15 dias sofreu 40 assaltos. "A prova é que chamamos vocês para fazer uma reportagem e antes de vocês chegarem registramos um assalto. Roubaram uma moto e um carro", disse.
'B.Os para quê?'
O empresário providenciou câmeras de segurança no posto no início da semana. Mesmo assim os ataques dos bandidos continuam. O que mais revolta o empresário é o número de B.O's feitos e a não presença de segurança no local. "Esse posto para você ter uma ideia é isso aqui. Essa quantidade grande de papéis. Só em 15 dias foram 40 assaltos. Para você ver. Em apenas um único dia foram feitos três boletins de ocorrência", reclama.
"Uma situação crítica, pois não posso fechar o posto de combustível. Se eu tiver que fechar posto, vamos ter que fechar tudo. Uma quantidade de B.O's só nesta região. Eles dizem e pedem para nós fazermos o boletim de ocorrência para o trabalho de estatística. Pois a estatística não funciona. Não recebi nenhuma visita de ninguém", desabafa o empresário.
Sem registro
A Polícia Civil do Estado do Ceará (PCCE) informou por meio de nota que não possui informações sobre os registros de 50 Boletins de Ocorrência (BOs) somente neste mês de agosto e sobre assaltos contra um único estabelecimento (o citado posto de combustíveis), situado na Avenida Castelo de Castro, 459.

Os dados dos três BOs repassados pela reportagem constam com nomes diferentes do proprietário e apenas um deles é sobre uma ocorrência no endereço citado acima. A Polícia Civil esclarece que uma equipe do 30º Distrito Policial compareceu ao posto para fazer os levantamentos necessários.
*** Informações com G1-CE
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SEBRAE - CEARÁ

Meus seguidores