sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Crueldade: Mulher é violentada e torturada com chave de fendas durante dois dias

Pauline, uma mulher de 42 anos, revelou detalhes da violenta agressão de que foi vítima por parte de um homem que a violou e tortorou durante dois dias consecutivos, na cidade de Greenock, na Escócia. Eric Schrickel foi condenado a sete anos de prisão, em maio deste ano. Agora, a defesa do agressor interpôs um recurso contra a decisão e a sentença do tribunal. Assim, Pauline, mãe de duas crianças, decidiu vir a público contar toda a sua história para advertir outras mulheres dos riscos que correm. "Quero que todos se lembrem da cara dele. Ele arruinou a minha vida", afirmou a vítima em declarações ao Daily Record. Eric fez-se passar por um 'bom samaritano' para conseguir atrair Pauline até ao seu apartamento, quando esta precisava de um sítio urgente para ficar. O agressor era amigo de um parente da mulher, o que não a levou a ter motivos para desconfiar das suas boas intenções. Ao fim de uma semana, Eric começou a tentar envolver-se sexualmente com a vítima. Perante os recuos desta, o homem começou a tornar-se violento. Mais tarde, quando a vítima se recusou a beijá-lo, Eric agrediu-a com uma tábua de cozinha na zona do pescoço. A mulher de 42 anos acabou por desmaiar. "Acordei com ele a espetar uma chave de fendas no canto do meu olho. Ele disse-me que ia morrer ali e que ele não ia preso porque estava diagnosticado com problemas mentais", contou a vítima. Durante dois dias, Pauline foi constantemente agredida e violada pelo homem, que lhe retirou o telemóvel para que esta não pudesse pedir ajuda. No entanto, a vítima aproveitou um momento em que o agressor adormeceu, e que por lapso, se esqueceu de esconder as chaves da porta. Pauline conseguiu fugir. "Fui encontrada por dois jardineiros que ligaram para a polícia e me levaram para um hospital. Quando cheguei lá tinha os dois olhos negros e inchados, os dentes partidos e hematomas na zona do pescoço", recorda. "Isto deixou-me com marcas psicológicas graves e marcas físicas também. Fiquei com danos irreversíveis nas costas", acrescenta. Pauline aguarda agora a segunda decisão do juiz e diz que não vai descansar enquanto o agressor não pagar por tudo o que fez atrás das grades. 

***** Informações com: CM Jornal
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918. Nosso site e nossa empresa não tem conotação política partidária com nenhum Grupo Político.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SEBRAE - CEARÁ

Meus seguidores