terça-feira, 1 de agosto de 2017

Caminhoneiros fazem protestos nas estradas contra aumento de combustíveis

Caminhoneiros fazem protestos em estradas do país nesta terça-feira (1º) contra o aumento dos impostos sobre os combustíveis, que encareceu o preço nos postos. Até as 10h30, havia registros de atos em rodovias de São Paulo, Minas Gerais, Bahia, Mato Grosso, Santa Catarina e Espírito Santo – alguns deles com bloqueio de pistas.
No último dia 20, o governo anunciou um decreto aumentando a alíquota do PIS e Cofins sobre os combustíveis. A tributação sobre a gasolina subiu R$ 0,41 por litro; a do diesel, R$ 0,21; e a do etanol, R$ 0,20 por litro.
O decreto chegou a ser suspenso por decisão de um juiz da 20ª Vara Federal de Brasília em 25 de julho. A Advocacia Geral da União recorreu e, no dia seguinte, o Tribunal Regional Federal (TRF-1) anulou a decisão que suspendia o aumento.

A mobilização também pede mais segurança nas estadas, preço mínimo para o frete e aposentadoria diferenciada para os caminhoneiros.
Os protestos de caminhoneiros ocorrem em ao menos três trechos de rodovias baianas, na manhã desta terça, de acordo com a Polícia Rodoviária Estadual (PRE). A categoria realiza bloqueios no km 522 da BR-116, no trecho da cidade de Itatim; no km 422 da BR-116, em Feira de Santana; e no km 430 da BR-324, em Riachão do Jacuípe. Os bloqueios deixam o tráfego congestionado nas rodovias, segundo a polícia. 
Espírito SantoCaminhoneiros protestam no acostamento do km 301 da BR-101, no entroncamento com o km 11 da BR-262, em Viana, na Grande Vitória, na manhã desta terça. A Polícia Rodoviária Federal (PRF-ES) informou que o ato, que faz parte da greve nacional dos transportadores de cargas, começou por volta das 5h40 e não atrapalha o fluxo de veículos.

Mato Grosso - Caminhoneiros bloquearam três trechos da BR-163 e da BR-070 na manhã desta terça. Segundo a PRF, os bloqueios e protestos ocorrem nos seguintes trechos: no km 747 da BR-163 em Sorriso, a 420 km de Cuiabá; no km 689 da BR-163 em Lucas do Rio Verde, a 360 km de Cuiabá; e no km 5 da BR-070 Barra do Garças, a 516 km da capital. Os caminhoneiros colocaram pneus, faixas e pedaços de madeira nas pistas e estão permitindo a passagem de cargas vivas, medicamentos ou veículos oficiais.
Minas Gerais A manifestação dos caminhoneiros começou na madrugada desta terça no km 361 da BR-381, em João Monlevade, na Região Central do estado. Segundo a PRF, a rodovia está liberada para a passagem de carros e ônibus. Eles bloquearam um das pistas com fogo. O protesto faz parte da greve nacional dos transportadores de cargas. Leia mais
Em Divinópolis, no Centro-Oeste mineiro, há manifestação na MG-050. Os caminhoneiros estão parando no acostamento da rodovia. O trânsito não foi bloqueado, mas está lento e os motoristas devem ficar atentos.

Santa Catarina - Caminhoneiros fecham na manhã desta terça a BR-116 em Santa Cecília, na Serra catarinense. Às 6h, a rodovia foi interditada para a passagem de caminhões em ambos sentidos no km 133. Veículos de emergência e de passeio estão passando normalmente.
A PRF afirma que os veículos estão no acostamento, e alguns manifestantes abordam outros caminhoneiros nas pistas. Até as 7h50, cerca de 150 caminhões estavam no local e não havia congestionamento, segundo a PRF.
A Autopista Planalto Sul, concessionária responsável pela rodovia, informou que às 9h começaram manifestações no km 184 da BR-116, em São Cristóvão do Sul, no entroncamento com a BR-470, e no km 245, no município de Lages, no entroncamento com a BR-282.
Em Itajaí, caminhoneiros protestam às margens da BR-101. Segundo a PRF, a concessionária Autopista Litoral Sul obteve uma decisão judicial que pune quem bloquear a via.
São Paulo - Em Ribeirão Preto, cerca de 40 caminhões foram estacionados às margens da Rodovia Alcídio Balbo, entre Sertãozinho e o distrito Cruz das Posses, mas não há congestionamento no trecho. O grupo também protesta contra o aumento das tarifas de pedágio nas estradas paulistas e exige o reajuste do valor cobrado pelos fretes, assim como a aprovação do preço mínimo para o frete e da aposentadoria diferenciada para a categoria.
A previsão é que os manifestantes realizem uma carreata nas próximas horas, passando por Pontal e Sertãozinho, até Ribeirão Preto.
Em Santos, caminhoneiros que atuam nas cidades da Baixada Santista, no litoral de São Paulo, bloquearam a alça de acesso ao Porto de Santos e provocam congestionamento na rodovia Anchieta. Por volta das 8h30, a fila de caminhões já seguia por mais de 3 quilômetros.

Segundo a Ecovias, concessionária que administra o Sistema Anchieta-Imigrantes, os caminhoneiros bloquearam a alça de acesso a Anchieta, no km 64 da rodovia. A faixa da esquerda foi totalmente bloqueada e a da direita ficou liberada para o tráfego de veículos.
*** Informações com G1
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SEBRAE - CEARÁ

Meus seguidores