quinta-feira, 8 de junho de 2017

Deputada chama governador de "veado" e depois volta atrás e pede desculpas na web; assista o vídeo

Na tarde desta última terça-feira (06), a deputada Janaína Riva (PMDB) publicou na internet um pedido de desculpas ao governador do Mato Grosso, Pedro Taques do PSDB. Isso porque ela teria dito que o governador era um ‘veado’, e o caso tomou uma repercussão negativa para a imagem da mesma.
Janaína estaria em uma conversa informal entre amigos, quando uma pessoa gravou um áudio no momento exato em que ela se exalta e xinga o governador. A gravação foi parar na mídia e ocupou os principais jornais do estado do Mato Grosso na semana passada. A deputada foi acusada de homofobia, e por denegrir a imagem do colega político.
Essa semana ela decidiu então se retratar e dizer que tudo não passou de um mal entendido. No vídeo gravado em um canal do Youtube, ela disse que nunca quis atingir a honra do chefe do Executivo e que não usou o termo ‘veado’ com a conotação sexual que as pessoas costumam usar.
Ela ainda reiterou nas imagens que errou, mas que estava em uma conversa informal com amigos, e que usou a palavra como se fosse um palavrão, mas que nunca quis ofender a comunidade LGBT com a qual realiza muitos trabalhos. Janaína relatou que foi uma conversa infeliz que acabou tendo durante um evento e que foi gravada durante o momento.
O áudio vem circulando por mensagens de WhatsApp de maneira incansável e a deputada pediu ainda no vídeo de desculpa que as pessoas parem de compartilhá-lo. Segundo ela, o estado do Mato Grosso tem pautas muito mais importantes do que essa, como a saúde e o problema com as estradas, e se prender a essa ‘briga’ política é fazer com que o estado perca em projetos e resolutividade. 
Ao ser procurado a assessoria de Pedro Taques afirmou que não irá comentar o ocorrido e muito menos dará detalhes sobre o caso. Ainda não se sabe se a deputada enfrentará um processo por causa do áudio com os xingamentos. No áudio ela diz que cada um tem o governador que merece, e que se as pessoas estão tendo isso foi porque cavaram. Ela ainda salientou na gravação, que tudo fica lá na ALMT para se resolver e o legislativo não tem maioria, e que agora era preciso ter paciência. No final ela completa com a frase, “quem mandou elegerem esse ‘veado’ para governador¿ Está aí agora o resultado”.
Apesar da repercussão negativa a congressista voltou atrás e pediu desculpas pela frase infeliz. Recentemente quem recebeu desculpas foi ela, dessa vez do secretário de Comunicação do estado, Kléber Lima, que teria publicado uma foto da deputada usando apenas camisola, como uma vingança depois de vir à tona o escândalo dos grampos no Núcleo da Polícia Militar. Assista ao pedido de desculpas da deputada a seguir:
***** Informações com: News 365
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918. Nosso site e nossa empresa não tem conotação política partidária com nenhum Grupo Político.
Vídeo:

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores