terça-feira, 13 de junho de 2017

"Debandada": Apoio a Temer faz autor do impeachment de Dilma, Miguel Reale Júnior deixar o PSDB

A decisão do PSDB de permanecer na base aliada do presidente Michel Temer (PMDB) provocou a primeira baixa no partido: Miguel Reale Júnior, advogado e um dos autores do pedido de impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), decidiu deixar o partido. Ao jornal O Estado de S.Paulo. Reale afirmou que desistiu do partido “diante de tantas vacilações e fragilidades onde não se pode ser fraco, que é diante da afronta à ética”.
Em reunião nesta segunda-feira, a legenda optou por continuar apoiando Temer ao menos durante a tramitação das reformas trabalhista e da Previdência no Congresso Nacional. No governo, o PSDB tem quatro ministros, que permanecerão após a decisão: Antonio Imbassahy (Secretaria de Governo), Aloysio Nunes (Relações Exteriores). Bruno Araújo (Cidades) e Luislinda Valois (Direitos Humanos).
Ministro da Justiça no governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), Reale Júnior ironizou a postura do partido, que tem feito reuniões periódicas para discutir o desembarque do governo, mas, no entanto, resultando em sucessivas permanências “Espero que o partido encontre um muro suficientemente grande que possa servir de túmulo”, afirmou o advogado.
Apesar da postura adotada, o PSDB também decidiu que vai recorrer da decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que absolveu a chapa formada por Dilma Rousseff e Michel Temer em 2014, da acusação de abuso de poder político e econômico formulada pela legenda naquele ano. Em entrevista coletiva após o encontro, o presidente interino da legenda, o senador Tasso Jereissati (CE), admitiu se tratar de uma “incoerência” a contestação da inocência de um presidente da República apoiado pelo partido, mas pontuou que é uma incoerência que a “história” impôs.
Outra signatária do documento que resultou na saída da petista do cargo, Janaína Paschoal também criticou a decisão do PSDB. Apesar de não ser filiada à legenda, a advogada endereçou uma mensagem, em uma rede social, ao governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, e ao prefeito da capital paulista, João Doria, ambos integrantes do partido. Segundo ela, “a grande reforma que este país carece é a de que todos devem cumprir as leis”.
*** Informações com Revista Veja
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores