segunda-feira, 29 de maio de 2017

45 pessoas foram assassinadas no Ceará neste fim de semana

O último fim de semana teve cerca de 45 assassinatos no Ceará, entre execuções, lesões corporais seguidas de morte e achados de cadáver, de acordo com levantamento preliminar do O POVO. Apenas os registros de sexta-feira, 26, e sábado, 27, foram divulgados pela Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social (SSPDS). Os números consolidados dos Crimes Violentos Letais Intencionais (CVLIs) serão divulgados no início de junho, mas a estimativa é de que maio seja o terceiro mês consecutivo com aumento desses crimes.
A sexta-feira, 26, foi o dia com a menor quantidade de registros de homicídios, conforme o boletim da SSPDS. Foram nove homicídios, oito deles a bala e um a faca, no Crato (Interior Sul). Três desses CVLIs a bala ocorreram em Fortaleza, nos bairros Henrique Jorge e Mondubim (2 casos). Outros três, também a bala, foram na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF) - Horizonte, Conj. Guadalajara e Maracanaú. No Interior Norte, os homicídios a bala foram nos municípios de Ipu e Crateús.
O sábado, 27, lidera a quantidade de homicídios, com 20 registros, sete deles apenas na capital cearense. Nesse dia, foi registrado no Mondubim o assassinato de uma mulher, cujo principal suspeito é o companheiro dela.
Houve ainda a execução de um homem na Praia do Futuro, próximo às barracas de praia; duas mortes a bala nos bairros Barra do Ceará e Sapiranga/Coité; um duplo homicídio na Vila Manoel Sátiro; e um achado de um corpo decapitado na Barra do Ceará.
Na RMF, foram dez homicídios a bala em dez horas e 18 minutos, também de acordo com os dados do boletim da SSPDS. A escalada de assassinatos começou às 12h41min, com a morte de um homem na estrada da Colina, no Eusébio. O último registro foi às 22h59min, quando outro homem morreu baleado na rua Sol Nascente, em Maranguape.
A região Norte teve, no sábado, 27, um achado de cadáver em Baturité e um homicídio em Madalena. No mesmo dia, um homem foi morto em Quixeramobim (Interior Sul). O levantamento preliminar de fontes da Polícia é de 16 CVLIs no domingo, 28, incluindo o assassinato do sargento aposentado da Polícia Militar Isidoro de Paiva Alves, 57, e um triplo homicídio em Aquiraz (mortes de duas mulheres e um homem ainda sem identificação).
O balanço preliminar de CVLIs em maio já chega a pelo menos 386, quantidade 35,4% superior ao registro do mesmo período de 2016, quando foram registrados 285 assassinatos. A quantidade de crimes desse fim de semana, ainda preliminar, quase alcança o registro do fim de semana mais violento do ano, em que 46 pessoas foram assassinadas, entre os dias 17 a 19 de março.
Em maio, foram 37 CVLIs no fim de semana passado, entre os dias 19, 20 e 21. Os dois fins de semana anteriores, de 13 a 14 e 5 a 7 de maio, tiveram 41 e 44 assassinatos, respectivamente.
*** Informações com Amanda Araújo via O Povo
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918.

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

Meus seguidores