quarta-feira, 16 de novembro de 2016

Bandidos matam sargento da PM e delegado da Polícia Civil. São 45 agentes mortos na gestão de Camilo Santana

Subiu para 30 o número de agentes da Segurança Pública  mortos no Ceará neste ano, e para 45 no período de apenas um ano e 11 meses na gestão do governador Camilo Santana (PT), um triste recorde na história do Estado. Na manhã deste 15 de novembro - feriado nacional da Proclamação da República - mais dois policiais morreram pelas mãos de criminosos: um delegado da Polícia Civil e um sargento da PM. 
O primeiro crime ocorreu no começo da madrugada, por volta de zero hora, quando dois bandidos armados invadiram a Casa do Albergado da cidade de Sobral, na Zona Norte do Estado, e atiraram contra um policial militar que fazia a guarda da unidade. Tratava-se do sargento PM George de Sousa e Silva, 40 anos. Os atiradores fugiram e não foram ainda identificados.
O militar foi atingido por três tiros, no tórax, punho direito e no fêmur. Em estado considerado grave, ele foi socorrido do local por uma ambulância do Samu para a Santa Casa de Sobral, onde foi submetido a cirurgia. Contudo, sofreu várias paradas cardíacas. Uma das balas penetrou no tórax e atingiu vários órgãos. Por volta das 15 horas, a direção do hospital comunicou à família o falecimento do PM. Elé é o quinto policial morto no Ceará em apenas 15 dias.
Delegado O segundo servidor da Segurança Pública morto nesta terça-feira foi o delegado de Polícia Civil, Audízio Ferreira Santiago, lotado na Delegacia da Criança e do Adolescente (DCA), e que iria se aposentar no próximo dia 26.
Por volta de 9h30 ele retornava para a casa, no bairro da Maraponga, em Fortaleza, quando foi atacado por um casal de assaltantes numa motocicleta, na Rua Noruega. Audízio morava próximo dali e estava à pé e desarmado. Retornava de uma igreja e estava na companhia do filho mais velho e da namorada deste, quando os criminosos apareceram e exigiram o celular. O delegado teria reagido e recebeu um tiro no rosto, morrendo instantaneamente, apesar dos esforços de uma equipe médica do Samu que foi acionada para o local do latrocínio (roubo seguido de morte).
Depois de matar o delegado, o casal abandonou a moto no local e fugiu à pé. No entanto, logo em seguida, cometeu outro assalto numa rua próxima e roubou uma segundo motocicleta, que foi também abandonada e depois localizada pela Polícia Militar, no Barroso (Zona Sul). Click Aqui e techa acesso a lista completa.
*** Informações com Fernando Ribeiro via Ceará News 7
Acompanhe as notícias diariamente do Portal de Notícias Aconteceu Ipu pela rede social: #AconteceuIpu (Facebook da nossa redação). Entre em contato pelo whatsapp: (88) 9.9916-7711. Contrate também nosso Departamento de Marketing para cobertura de eventos pelo telefone: (88) 9.9600-1918

0 comentários:

SITES OFICIAIS E REFERÊNCIA

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SITES E PORTAIS DE NOTÍCIAS

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

RÁDIOS PARCEIRAS DO AI

Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket Photobucket

SEBRAE - CEARÁ

Meus seguidores